Venomous define capa, repertório e data de lançamento do segundo álbum

Gravado no estúdio Dual Noise (SP), com produção de Rogerio Wecko e do próprio Venomous, "The Black Embrace", o sucessor do disco de estreia, "Defiant" (2018), promete levar o grupo paulistano, formado por Tigas Pereira (vocal), Gui Calegari e Ivan Landgraf (guitarras), Renato Castro (baixo) e Lucas Prado (bateria), a um novo patamar. "Trouxemos referências nunca usadas na banda, até por usarmos guitarras de sete cordas pela primeira vez. Tem um pouco de tudo o que fizemos, mas levando a um novo patamar e explorando novas facetas que estão no segundo álbum", adiantou Ivan Landgraf.
 
Ouça o single "Black Embrace", que em breve receberá o primeiro videoclipe do novo álbum, em https://youtu.be/uEY1jF_nSEI


 
Já a arte e ilustrações ficaram a cargo de Ricardo Bancalero, que, segundo Gui Calegari, soube expor o conceito dos temas. "Queríamos trazer à tona o nome do álbum e Bancalero foi extremamente caprichoso e talentoso para expor todos os elementos que permeiam nosso novo trabalho."
 
Confira o repertório de "The Black Embrace", que será lançado nas plataformas digitais no dia 25 de setembro e a mídia física em outubro:
 
The Orchard
Event Horizon
Penitence
Heirs of a Dream
Duality
Zumbi
Black Embrace
Rise
Redemption
 
"Estamos extremamente felizes e orgulhosos com o resultado atingido nesse novo trabalho. 'The Black Embrace' foi uma evolução em todos os sentidos, mas, principalmente um amadurecimento musical e pessoal que fizeram dele uma obra única. Levaremos em outubro e novembro o novo show de volta à Europa e também estamos agendando um grande giro por terras brasileiras", concluiu Calegari.


 
Ouça "Black Embrace" (single) no Spotify em https://is.gd/mJx1xW
 
Site relacionado: https://www.facebook.com/venomousoficial/
 
Contato para shows: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.


Brave Heart prepara novo single apostando no southern heavy rock

O trio curitibano Brave Heart, formado por Michael Bahr (vocal e baixo), Marcos Camillo (guitarra) e Juliano Natal (bateria), está prestes a entrar em estúdio para a gravação de um novo single, "Hellyeah". "Voltamos a fazer nosso southern heavy rock com 'Hellyeah', que fala sobre o quanto o passado ainda sufoca as pessoas quando elas ainda não têm algo resolvido dentro de si", revelou o vocalista e baixista Michael Bahr. "Iremos registrar no Boom Sound Design, mesmo estúdio que gravamos o single 'Prisonbreak'. A mixagem e masterização será feita nos EUA, mas ainda estamos em negociação. Iremos apresentá-lo, em primeira mão, na abertura para os finlandeses do Shiraz Lane, que tocarão em novembro em Curitiba", completou.
 
"Prisonbreak", até então o último single, saiu no final de 2018. A letra fala sobre o desespero de quem já sentiu a depressão de perto. "É como se fosse o convite da 'Sra. Morte' para o aprisionamento, sem grades da cabeça, do ser humano doente. Por isso, raiva e desespero ficaram evidentes no peso da sonoridade", apontou o guitarrista Marcos Camillo.
 
Veja o lyric video de "Prisonbreak" (2018) em https://youtu.be/Rj1t1FnFReg



Criado das cinzas do Black Aposteme, o Brave Heart surgiu em 1998 e passou por algumas mudanças até o lançamento do primeiro EP, "Hiding Place" (2001), que foi seguido por "This House In My Head" (2007). "Produzimos pouco entre 2001 e 2006, mas fizemos alguns shows importantes na América do Sul, além da abertura para o Savatage em 2002", recordou Bahr, que se tornou o único integrante original. "Entre 2007 e 2012 alguns integrantes se foram, outros voltaram, mas conseguimos sair do ostracismo e o show com o Viper foi um dos pontos altos daquele período", descreveu o vocalista e baixista.
 
Após uma série de singles e clipes em 2013, participações em importantes eventos, como o festival da Rádio Mundo Livre FM, onde conquistou prêmios em 2013 e 2014, Brasil Motorcycle Show e Curitiba Motor Show, além de aberturas para Deep Purple e Sepultura, ocorreu uma mudança de foco. Em 2015, a banda escolheu incorporar um lado mais southern rock, tendo The White Buffalo e Blackberry Smoke como referências. "Além do heavy, também temos este lado southern, e era o momento de fazer algo mais introspectivo. Daí saiu o terceiro EP, 'Dedicated To My Heart', que contou com clipes para as faixas 'Finding my Way' e 'Guilty'. Nesta época também fizemos a abertura para Andre Matos no Teatro Guairinha, em Curitiba", relembrou Bahr.
 
Em 2017, o trio partiu para a sua primeira turnê europeia, tocando em cidades de Portugal e Espanha. Além disso, conquistou em 2019 a 'Battle of the Bands', promovida pelo Hard Rock Cafe (PR) e abriu o show do Black Label Socitey em Curitiba. "A interação com o público europeu foi uma das experiências mais incríveis da banda. Você é visto diferente e consegue se dedicar exclusivamente para o seu próprio som, assim como foi na premiação do Hard Rock Cafe este ano e, claro, com o ápice de ter um abraço do mestre Zakk Wylde nos pedindo para fazer o melhor antes de ele entrar! Tocar e acreditar em sua música é o melhor sentimento que se pode ter", concluiu Bahr.
 
Mais informações em www.braveheart.com.br
YouTube: @braveheartrock
Mídias sociais: @braveheartrock
 
Ouça no Spotify em www.braveheart.com.br/spotify


Andralls segue em turnê e confirma presença em tributo ao Iron Maiden

Com "Bleeding For Thrash", sexto álbum de estúdio, o Andralls reconquistou seu espaço com um dos mais importantes nomes do thrash metal brasileiro. Os seguidos shows só comprovam a tendência de que Alex Coelho (vocal e guitarra), Felipe Freitas (baixo) e Alexandre "Xandão" Brito (bateria) conseguem ser ainda mais energéticos praticando o seu autointitulado "fasthrash". Ainda que com outros shows sendo agendados, como o do próximo domingo (15), quando se apresentará em São José dos Campos (SP), o trio confirmou a presença em um álbum tributo ao Iron Maiden.
 
Intitulado "Somewhere In Brazil... The Brazilian Tribute To Iron Maiden" será lançado pela Armadillo Records, selo subsidiário da extinta Secret Service Records, responsável por tributos ao Motörhead, Black Sabbath e AC/DC. "A gravadora nos enviou duas faixas para escolhermos e ficamos com 'Chains of Misery', pois é um som que os três membros da banda curtem muito. Além disso, ela faz parte do repertório de 'Fear of the Dark', que é um disco muito foda", reforça o baterista Xandão Brito. "A gravadora informou que o material virá em luxuoso digipack duplo, com encarte contendo fotos e info sobre as participantes. No total, serão 26 versões de bandas brasileiras", acrescenta.

Veja o lyric video de "Bleeding for Thrash" em https://youtu.be/qjyCyntauz0



Após shows em São Paulo, Campinas, Santos e o de São José dos Campos no próximo domingo, o trio informa que está com a agenda aberta para o restante do mês de setembro e para outubro. "O novo disco traz um Andralls muito agressivo, técnico, sujo e rápido, como sempre foi. São pouco mais de 30 minutos divididos em onze temas para headbanger nenhum ficar sem bater cabeça. É isso que estamos levando agora para os palcos", concluiu o baterista.
 
Serviço – Andralls em São José dos Campos (SP):
Atrações: Andralls, Overdose Nuclear e Chaostitution
Data: 15 de setembro (domingo)
Horário: 18h
Local: Hocus Pocus Studio & Café
Endereço: Rua Paraibuna, 838, Jardim São Dimas - São José dos Campos/SP
Ingresso: R$ 20
Evento: https://is.gd/xk1sc2
Realização: RMZ Production
Apoio: Artrock Camisetas
 
Andralls - Discografia:
Massacre, Corruption, Destruction (2000)
Force Against Mind (2003)
Fasthrash Live (2003)
Inner Trauma (2005)
Andralls (2009)
Breakneck (2012)
15 Years Breaknecking - Live In Belém (2014, DVD)
Bleeding for Thrash (2019)
 
Sites relacionados:
www.facebook.com/andrallsfasthrash/
https://mdd-records.de/
 
Contato para shows: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Instagram: @andrallsfasthrash
YouTube: Andralls Thrash



 

David Ellefson virá ao Brasil com a Masterclass 'Basstory'

Enquanto o Megadeth aguarda o tratamento de câncer na garganta do líder Dave Mustaine para dar continuidade às gravações de seu décimo sexto álbum, sucessor do premiado "Dystopia" (2016), vencedor do Grammy Awards, na categoria 'Melhor Performance de Metal' com a música homônima, seus demais integrantes têm se envolvido em diversos projetos e atividades paralelas. Um dos mais atarefados é o baixista David Ellefson, que desembarca no Brasil no dia 31 de novembro, para show único, em São Paulo, no tradicional Manifesto Bar, que em 2019 está celebrando 25 anos de atividades. Ellefson apresentará a masterclass "Basstory Tour", com a qual, desde 2018, tem visitado diversas cidades americanas, além de países como República Tcheca, Dinamarca, Itália, Turquia, Alemanha, Holanda, Polônia, Austrália, México e Chile.
 
Os ingressos online estão à venda através da Ticket Brasil em https://is.gd/FwJgVp
 
Ellefson tem aproveitado a "Basstory Tour" para divulgar seu novo livro autobiográfico, "More Life with Deth", lançado a 19 de julho via Jawbone Press, junto ao seu primeiro álbum solo, "Sleeping Giants", ambos realizados em parceria de seu sócio, o vocalista Thom Hazaert. Além desses trabalhos, este ano o incansável Ellefson já havia lançado "Get it On", álbum de estreia do Altitudes & Attitude, seu projeto com o também baixista Frank Bello, do Anthrax. Fora dos palcos, o fiel escudeiro de Dave Mustaine no Megadeth tem tocado seus empreendimentos particulares, no caso, a rede de café Ellefson Coffee, o selo EMP Label Group e a lendária gravadora Combat Records, que adquiriu e reativou após décadas de inatividade.
 
Durante a masterclass "Basstory Tour", fãs ainda poderão subir ao palco para tocar ao lado de Ellefson. Para participar, envie um vídeo para o email O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .
 
Serviço - MasterClass com David Ellefson:
Data: 30 de novembro (sábado)
Abertura da casa: 17h
Local: Manifesto Bar
Endereço: Rua Iguatemi, 36, Itaim Bibi - São Paulo/SP
Ingressos – 1º lote: a partir de R$ 120 (Pista promo e meia-entrada)
Vendas no Manifesto Bar e online pela Ticket Brasil em https://is.gd/FwJgVp
Fone: (11) 2574-5256
Cartões: Visa, Mastercard, Elo, American Express e Dinners
Débito: Visa Electron, Maestro, Rede Shop
Censura: 16 anos
Acesso a deficientes / ar condicionado
Wi-fi: a casa possui acesso a internet sem fio
Serviço de Vallet: R$20,00
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Site: www.manifestobar.com.br

 

 

 

Invokaos: lyric video 'Black Cobra' antecipa debut

Produzido por W. Perna, o lyric video da música "Black Cobra" é a primeira amostra do primeiro álbum da banda Invokaos, "Retirantes do Holocausto". A letra, criada pelo vocalista Bruno Bacchiega, fala do ser mitológico 'Black Cobra', considerado o deus do caos. "A composição foi feita em cima da letra, com base no ambiente sombrio que ela tem, com referência ao black metal", explicou Bacchiega.
 
Veja o lyric video de "Black Cobra" em https://youtu.be/x_C_40FpbVQ



A arte de capa é uma releitura da famosa pintura 'Os Retirantes' (1944), de Candido Portinari, que faz parte do acervo do Museu de Arte de São Paulo (MASP). Nela, Bacchiega, que também assina toda a arte gráfica, adaptou os personagens da história e da mascote Kira. "Desenvolvi um encarte especial em forma de HQ, contando o início da história da mascote da banda, Kira. Além das letras, haverá também cinco páginas da HQ falando um pouco sobre a história de um mundo devastado por um governante ditador, em que a fome e miséria são explícitas", revelou.
 
"Retirantes do Holocausto", produzido e gravado por Lucas Moreno (Lucs Studios), contará com 11 faixas, sendo seis inéditas e a introdução, "Cânticos Sertânicos", criada por Wanderson "Tuco" Pereira e inspirada pela capa com elementos da música nordestina. "São músicas com variedades de estilo, representando fielmente toda a nossa diversidade, seja no black, thrash, death, crossover e grindcore. Gravamos o disco no home estúdio de Lucas Moreno, que é formado pela EM&T e foi quem produziu o nosso EP 'Fúria Manifesta'", contou o guitarrista Alexandre Jansen.
 
Criado em 2017, o quarteto paulista Invokaos, da região de Diadema, estreou no ano passado com o EP "Fúria Manifesta", que teve uma repercussão positiva. "Tivemos uma evolução nas composições no período entre o EP e o álbum. Tudo fluiu bem e isso é um reflexo do tempo de banda e o nosso entrosamento. O que também ajudou bastante foi a convivência com outras bandas, pois costumamos dizer que nossas maiores inspirações são os grupos que tocam com a gente nos festivais underground", avaliou Jansen. "'Retirantes do Holocausto' será lançado no próximo dia 20 de setembro e nós vamos preparar bastante material para promovê-lo, especialmente os vídeos", concluiu o guitarrista.
 
Formação:
Bruno Bacchiega (vocal)
Alexandre Jansen (guitarra)
Léo Bulhões (baixo)
Thiago Queiroz (bateria)
 
Sites relacionados:
https://www.youtube.com/c/invokaos
facebook.com/Invokaos
instagram.com/invokaos
 
Ouça no Spotify em https://is.gd/EYMEb7
 
Contato para shows: 11-973966992 | O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.





Visit fbetting.co.uk Betfair Review