Vodu: show no Teatro UMC e gravação de novo videoclipe

O Vodu será uma das atrações do projeto "Canja do Oka", onde apresentará músicas que estarão no novo álbum, "Walking With Fire", e captará cenas para seu novo videoclipe. O evento, idealizado pelo produtor Roberto Oka (Moshi Moshi Produtora), será realizado no dia 14 de março (quinta-feira) no Teatro UMC, em São Paulo (SP). Na ocasião, André Góis (vocal), J. Luis "Xinho" Gemignani e Paulo Lanfranchi (guitarras), André "Pomba" Cagni (baixo) e Sergio Facci (bateria) contarão com a participação especial de Marcos Kleine (guitarra, Ultraje A Rigor, ex-Exhort), Fernanda Terra (bateria, Feya HxCx, ex-Nervosa) e Dudé (vocal, Dudé e a Máfia). "No final do ano passado nós fizemos um giro pelas casas de Cultura de São Paulo e agora iniciamos os shows para divulgar o novo álbum, 'Walking With Fire', que será lançado até junho", revelou Sergio Facci.
 
A retomada das atividades, trinta anos após a estreia com "The Final Conflict" (1986), disco que foi relançado em CD pela Classic Metal em fevereiro de 2017, poderia dar a entender que a banda viveria de glórias do passado. Porém, o vocalista André Góis já havia deixado claro que a intenção objetivava a criação de material novo. "Nossa ideia sempre foi ter músicas novas para tocar. Não por não gostarmos do material antigo, mas por sentirmos que ainda podemos ser relevantes. Lançamos uma prévia no ano passado, 'Voodoo Doll - Demo', justamente para mostrar algumas das novas composições que estão, inclusive, no repertório dos shows", explicou André Góis. "'Walking With Fire' encontra-se em fase final de gravações e mixagens. Sim, trinta anos depois do EP 'No Way', de 1989, teremos um novo disco de estúdio do Vodu", concluiu o vocalista.
 
Vodu - Canja do Oka:
Data: 14 março
Horário: 20h (abertura dos portões 1h antes do início do espetáculo)
Duração: 70 Minutos
Local: Teatro UMC
Endereço: Av. Imperatriz Leopoldina, 550 (perto do CEASA) - Vila Leopoldina, São Paulo/SP
Ingressos: R$ 20 (meia) | R$ 40 (inteira)
Vendas online na Ticket Fácil em https://is.gd/BcEtr1
Site: www.voduband.com



Ouça Vodu no Spotify: https://goo.gl/1bhJbS



Notas relacionadas na ASE Music:
Vodu: preparando terreno para o novo álbum
Vodu lança material inédito como prévia do novo álbum

Heaven's Guardian libera vídeo ao vivo de 'War'

A banda Heaven's Guardian apresenta a música "War", que consta no DVD "Live At Goiânia Theater", gravado ao vivo ao lado da Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás. A música, que originalmente consta no repertório do álbum 'Signs', conta com a bela interpretação de Olivia Bayer, além das presenças de Ricardo Confessori (Angra e Shaman) e Eduardo Ardanuy (Sinistra, ex-Dr. Sin). "A letra fala da guerra das pessoas em entender a morte e permitir que os entes amados possam partir para outro horizonte sem que elas, através do sofrimento, as prendam por perto", comentou o tecladista Everton Marin.
 
Veja o vídeo de "War" em https://youtu.be/Q5obdhKPkwg



Além de Confessori e Ardanuy, estiveram ao lado de Olivia Bayer e Carlos Zema (vocais), Ericsson Marin e Luiz Mauricio (guitarras), Murilo Ramos (baixo), Felipe Rosso (bateria) e Everton Marin (teclados) e da Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás, os vocalistas Marcello Pompeu (Korzus) e Alirio Netto (Queen Extravaganza, Age of Artemis e Khallice).
 
O espetáculo, produzido pela Top Link Music, originou o DVD "Live At Goiânia Theater", lançado pela gravadora Megahard em dezembro e que figurou nas listas dos melhores de 2018 pela imprensa especializada. "É uma grande satisfação ver nosso trabalho sendo apreciado pelos fãs. Ter sido citado já valeu, mas ficamos ainda mais contentes com os resultados, como na eleição dos melhores de 2018 pelos leitores da revista Roadie Crew, com o DVD na segunda posição e músicos da banda citados individualmente", comemorou o guitarrista Luiz Mauricio.

Site relacionado: www.heavensguardian.com.br

Confira, abaixo, a arte de capa do DVD, feita pelo guitarrista Ericsson Marin e foto de Thiago Jesus.





Manifesto Bar receberá ingleses do Tank em agosto

O grupo inglês Tank, que surgiu na fase da New Wave of British Heavy Metal e tinha ligação direta com o Motörhead, retornará ao Brasil. Em São Paulo, o show ocorrerá em 18 de agosto (domingo), no Manifesto Bar. Atualmente, a banda trabalha no sucessor de "Valley of Tears" (2015), que trará regravações e marcará a estreia em estúdio do vocalista David Readman (Pink Cream 69) ao lado de Mick Tucker e Cliff Evans (guitarras), Randy van der Elsen (baixo) e Bobby Schottkowski (bateria, ex-Sodom). "Estamos ansiosos para voltar ao Brasil com esta formação para apresentar um repertório que será matador! Vejo vocês em breve", disse o guitarrista Mick Tucker.
 
Intitulado "Re-Ignition", o repertório contará com novas roupagens para clássicos como "(He Fell in Love With A) Stormtrooper", "Shellshock" (com participação de Dani Filth, do Cradle of Filth), "This Means War", "Honour and Blood", "Blood, Guts and Beer", "Echoes of a Distant Battle", "Power of the Hunter" (com a presença de Tom Angelripper, do Sodom) e "The War Drags Ever On".
 
"Eu sei que eles não eram estritamente parte de tudo aquilo (NWOBHM), mas penso que 'This Means War' (1983) e 'Honour & Blood' (1984) estão entre os melhores e mais diretos discos de heavy metal dos anos 1980. Você não vai ouvir igual àquilo hoje em dia e eles estão completamente esquecidos e são muito injustiçados", declarou certa vez o baterista Lars Ulrich (Metallica), em entrevista à revista Raw ('Lars Ulrich's Guide To The NWOBHM').
 
Serviço - Tank em São Paulo:
Data: 18 de agosto (domingo)
Abertura da casa: 18h
Local: Manifesto Bar
Endereço: Rua Iguatemi, 36, Itaim Bibi
Ingressos: a partir de R$ 80
Venda online através da Ticket Brasil em https://is.gd/eKqSl4
Fone: (11) 3168-9595 | WhatsApp (11) 94747-5883
Cartões: Visa, Mastercard, Elo, American Express e Dinners
Débito: Visa Electron, Maestro, Rede Shop
Censura: 16 anos
Acesso a deficientes / ar condicionado
Wi-fi: a casa possui acesso a internet sem fio
Serviço de Vallet: R$20,00
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Site: www.manifestobar.com.br


Informação para a IMPRENSA - CREDENCIAMENTO TANK:
Para requisitar credenciamento para a cobertura do show da banda inglesa TANK, favor enviar nome do veículo e dos profissionais (fotógrafo e repórter), RG, e-mail e telefone para O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

Silver Mammoth define artista para capa e arte do novo álbum

O designer, ilustrador, fotógrafo e músico carioca Antonio Cesar será o responsável pela arte da capa do novo trabalho do Silver Mammoth, intitulado "Rise Up – Alive and Old Feelings", que contará com faixas ao vivo e três releituras para clássicos de AC/DC, Motörhead e Black Sabbath. Além destas, o repertório trará duas inéditas e uma versão acústica da já clássica "Natural Love", faixa do debut homônimo lançado em 2013.
 
Antonio Cesar, que já fez capas e artes para bandas como Aquaria, Gustavo Di Padua, Elektra e Endless, entre outras, revela que toda a concepção gráfica será artesanal, pintada à mão, sendo, inclusive, a primeira vez na história da banda a ter uma ilustração como capa e contracapa. O lançamento de "Rise Up - Alive And Old Feelings" se dará no primeiro semestre através da MS Metal Records, com distribuição para os mercados brasileiro (Voice Music), europeu e asiático (MS Metal Records).

Veja o clipe para a versão da clássica "Symptom of the Universe" (Black Sabbath), presente no projeto "Unified Trilogy" em https://youtu.be/yzgfvKrdvC8



O Silver Mammoth, que recentemente teve a música "Coup to the End" incluída na "Peso Brasuca", playlist exclusiva da CD Baby no Spotify, agora se prepara para o lançamento de "Rise Up - Alive And Old Feelings", que se dará no primeiro semestre através da MS Metal Records, com distribuição para os mercados brasileiro (Voice Music), europeu e asiático (MS Metal Records).
 
Mais informações em http://silvermammothband.com/

Site relacionado: http://antoniocesar.net/
 
Contato para shows: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.



Mick Garris, premiado cineasta e escritor, confirmado na Horror Expo

Parceiro de longa data de Steven Spielberg, Stephen King e Michael Jackson, dirigiu grandes clássicos do horror/terror para cinema e TV e será um dos premiados com o Horror Expo Lifetime Achievement Award
 
Mick Garris, lendário cineasta americano, é o primeiro convidado internacional anunciado para a HORROR EXPO 2019. O maior evento focado na cultura do horror já realizado na América Latina, abrangendo cinema, TV, streaming, games, literatura e cultura pop, será realizado entre os dias 18 a 20 de outubro no Expo Center Norte, em São Paulo/SP.
 
Aos 67 anos de idade, Garris possui em seu currículo trabalhos que moldaram a história do entretenimento e cultura pop. Entre eles, a série "Amazing Stories" ("Histórias Maravilhosas"), criada por Steven Spielberg e que foi ao ar entre os anos de 1985 e 87, vencendo cinco Emmy Awards, e "Masters of Horror" ("Mestres do Horror"), produção exibida entre nos anos de 2006 e 2007. Sob a direção de Mick, "Masters of Horror" reuniu grandes nomes do horror/terror, como John Carpenter, Larry Cohen, Don Coscarelli, Joe Dante, Guillermo Del Toro, Tobe Hooper, John Landis, Dario Argento, Eli Roth, entre muitos outros. Garris também participou em séries como "Tales From The Crypt" ("Contos da Cripta"), "Pretty Little Liars", "Witches of East End" ("As Bruxas de East End"), "Shadowhunters" e " Once Upon a Time".
 
No cinema, e também em produções de longas para TV, dirigiu adaptações de obras de Stephen King, como "Sleepwalkers" ("Sonâmbulos", 1992), "The Stand" ("A Dança da Morte", 1994), "The Shining" ("O Iluminado", versão de 1997 estrelada por Rebecca De Mornay, Steven Weber e Melvin Van Peebles), "Riding the Bullet" ("Montado na Bala", 2004), "Stephen King's Desperation" ("Desespero", 2006), "Bag of Bones" (2011). Também foi responsável por clássicos do terror cult, como "Critters 2: The Main Course" ("Criaturas 2", 1988) e "Psycho IV: The Beginning" ("Psicose 4:  A Revelação", 1990), além de ser escritor/roteirista de "Batteries Not Included" ("O Milagre Veio do Espaço"/"O Milagre da Rua 8", 1987), "The Fly II" ("A Mosca 2", 1989), "Hocus Pocus" ("Abracadabra", 1993) e, dentre outros, "Michael Jackson's Ghosts", famoso curta-metragem escrito por Garris, Stephen King e Michael Jackson, e estrelado pelo saudoso Rei do Pop.
 
Toda essa trajetória, que foi iniciada como vocalista e líder da banda de rock Horsefeathers e um trabalho paralelo como recepcionista da Star Wars Corporation, de George Lucas, posteriormente migrando para operador de controle remoto para o famoso robô R2-D2, fez com que Garris se tornasse uma lenda. Ele foi premiado em 2006 no respeitado New York City Horror Film Festival e nomeado conselheiro fixo no Hollywood Horror Museum. Atualmente, além de suas produções, apresenta o podcast "Post Mortem", parte da rede Blumhouse.
 
Mick Garris estará presente nos três dias da HORROR EXPO 2019, apresentando painéis e sessões de "perguntas e respostas" com os fãs, e, no domingo (20), será um dos grandes premiados do Horror Expo Lifetime Achievement Award, premiação voltada para os grandes nomes mundiais do horror/terror em diferentes segmentos.
 
Os ingressos da HORROR EXPO 2019 já estão disponíveis em seu segundo lote, com valores a partir de R$ 170,00, com entradas por dia, passaportes para os três dias de evento e opções de ingressos VIP, que dão diversas vantagens para o comprador. Qualquer visitante que adquira o ingresso inteiro comum ou passaporte inteiro comum, pode adquirir sua entrada com 50% de desconto com o Ingresso Solidário Horror Expo, mediante à doação de 1 kg de ração para cães ou gatos, que deve ser entregue no dia do evento. Toda a venda de ingressos da HORROR EXPO 2019 é operada pela Eventbrite e está disponível para comercialização pelo site oficial do evento, horrorexpo.com.br.


 
SERVIÇO HORROR EXPO 2019:
Datas: 18, 19 e 20 de outubro de 2019
Horário: das 12h às 22h
Local: Expo Center Norte
Endereço: Rua José Bernardo Pinto, 333 – Vila Guilherme, São Paulo/SP, CEP: 02055-000
 
Ingressos:
Ingresso individual por dia:
2º Lote - R$ 170,00 (meia-entrada e entrada solidária) e R$ 340,00 (inteira)
 
Passaporte individual para os três dias do evento:
2º Lote - R$ 484,50 (meia-entrada e entrada solidária) e R$ 969,00 (inteira)
 
Ingressos VIP:
VIP Platinum: R$ 1.000,00 (por dia) ou R$ 2.700,00 (três dias)
VIP Gold: R$ 700,00 (por dia) ou R$ 1.890,00 (três dias)
VIP Silver:  R$ 500,00 (por dia) ou R$ 1.350,00 (três dias)
 
Para saber mais detalhes sobre cada formato de ingresso, assim como opções de pagamento e parcelamento, acesse: https://horrorexpo.com.br/ingressos/
 
Informações adicionais e contato: https://horrorexpo.com.br
 
Redes sociais:
Facebook: https://www.facebook.com/horrorexpobrasil
Instagram: https://www.instagram.com/horrorexpobrasil/
Twitter: https://twitter.com/horrorexpobr




Rafael Rassan: músico do Affront e Imago Mortis lança trabalho instrumental

Após gravar o álbum "LSD" (Imago Mortis) e atualmente promovendo o segundo do Affront, "World in Collapse", o multi-instrumentista gaúcho radicado no Rio de Janeiro, Rafael Rassan, aventura-se na música instrumental. Formado em música pela UFRJ, tendo atuado em corais sinfônicos e de música  de câmera, Rassan agora apresenta "Universal Express", primeiro single do álbum "Ippon". "Trabalhei ao lado de músicos do Imago Mortis e Dark Tower, entre outros, e o disco possui uma forte influência do thrash metal, do progressivo e uma pitada de ritmos brasileiros", revelou Rassan, que produziu o álbum, finalizado por Felipe Eregion no Tellus Studio, em Niterói (RJ).
 
Confira a faixa "Universal Express" em https://youtu.be/4X3E3BOPPfg



Embora sua formação acadêmica como instrumentista e cantor seja no violão, guitarra, baixo e teclado, a vivência acadêmica e musical possibilitou que o músico ampliasse seus horizontes além do rock pesado, buscando influências na MPB, no jazz, no pop e na música  erudita. Experiente e rodado, além dos trabalhos atuais com Affront e Imago Mortis,  Rassan integrou grupos como Limusine Negra (pop nacional), Uníssonus (metal melódico), Ainur (black metal), Corda'o Vento (instrumental), Trio Cordame (instrumental), Coral Brasil Ensemble/UFRJ, Unearthly (black metal), Ordem Psicodélika (rock nacional), entre outros.
 
O álbum "Ippon", em que Rassan gravou ao lado de Raul Fontenelle (bateria, Working Men), Charles Soulz (teclado) e Paulo Ricardo (baixo) – ambos do Imago Mortis –, contará com a capa da artista plástica e tatuadora internacional Anna Idza (Tatuarium, Viena). O material será lançado em breve pelo selo Rock Station.
 
Contato: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.





FlowerLeaf: lyric video de 'Tupana' aponta perigos do desmatamento

Após o videoclipe para "Girls in Pearls", mais uma faixa de "Stronger", álbum de estreia do FlowerLeaf, acaba de ganhar um vídeo. Trata-se do lyric para "Tupana", música que fala sobre a experiência de estar no meio da floresta amazônica, onde o Rio Tupana é tão escuro que reflete tudo à sua volta, como se fosse um espelho. "A paisagem pitoresca e o ambiente nos levam à reflexão do nosso lugar e nosso papel no mundo. Também nos traz a reflexão da nossa responsabilidade ambiental, em preservar a natureza e o meio ambiente", aponta a vocalista Vivs Takahashi. "Inserimos no vídeo informações sobre a floresta amazônica e onde a ação de desmatamento está nos levando. Em parceria com a ONG SOS Amazônia, queremos levar essa conscientização para o nosso público", acrescenta.
 
Veja o lyric video de 'Tupana' em https://youtu.be/Q00xXHNzwlc



A música foi produzida por Raphael Gazal (Pastore, Bulletback) e o vídeo por Gabby Vessoni. Além de Gazal nas guitarras, "Stronger", que teve a arte de capa criada por Carlos Fides (Almah, Evergrey, Semblant, Noturnall, Trezzy, Silver Mammoth), contou com participações especiais de Mylena Monaco (Sinaya) e Marina La Torraca (Exit Eden, Phantom Elite). Os singles "Firesoul" e "Girl in Pearls", que saiu em videoclipe e entrou em duas playlists oficiais do Spotify – Heavy Queens e New Blood –, mostraram a força do symphonic metal proposto por Vivs Takahashi e Marcelo Kaczorowsky (baixo).
 
Site relacionado: www.flowerleafband.com
Merch oficial: https://www.hsmerch.com/artistas/f-j/flowerleaf/
 
Contato: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.  

Ouça "Stronger" no Spotify em https://goo.gl/AwtbHi




Chaosfear lança lyric video de 'Global Atrocity'

"Global Atrocity", single que marcou o retorno do Chaosfear, acaba de ganhar um lyric video, produzido por W. Perna (Genocidio), que também foi responsável pela arte de capa. A letra fala sobre uma pessoa que passou por várias provações na vida, períodos conturbados e agora tenta se livrar dos tempos de escuridão. "As tentações rodeiam esta pessoa, aquela voz do lado obscuro da vida fala no ouvido dela a todo instante, mas a voz interior fala mais alto e a pessoa consegue se livrar desses males", explica o vocalista e guitarrista Fernando Boccomino.
 
Veja o lyric video de "Global Atrocity" em https://youtu.be/zLI4uHdjHxs



A retomada dos trabalhos por Fernando Boccomino (vocal e guitarra), Eduardo Boccomino (guitarra), Marco Nunes (baixo e teclado) e Billy Houster (bateria) tem como objetivo escrever uma nova história com o Chaosfear, que lançou os álbuns "One Step Behind Anger" (2006) e "Image of Disorder" (2008), além dos EPs "Inside The Extreme World" (2003) e "Legacy of Chaos" (2012).
 
O single "Global Atrocity", que está disponível nas plataformas de streaming (Spotify, Deezer, Apple Music, Amazon), contou com produção dividida pela banda, Wagner Meirinho e Tiago Assolini (Loud Factory). "Global Atrocity" traz vocais mais limpos e graves, além de variar melancolia e agressividade. "Os vocais misturam melancolia e agressividade, traduzindo de forma direta a ideia contida na letra", concluiu Fernando Boccomino.
 
Site relacionado: www.facebook.com/chaosfear
 
Contato para shows: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.




Autoral Brasil Kiss FM: a renovação do rock nacional

O programa Autoral Brasil Kiss FM estreará na programação da Kiss FM nesta quinta-feira (07), às 21h, tendo como objetivo auxiliar as inúmeras bandas de rock que não têm espaço para divulgar seus trabalhos, bem como trazer informação do mercado da música e gestão de carreira. O programa sempre contará com a presença de um profissional da cadeia produtiva da música, uma banda ou um artista de rock independente e, vez ou outra, a participação de artistas ou bandas já consagradas e conhecidas pelo grande público.
 
Com uma proposta diferente de tudo que já apareceu em rádios brasileiras, o Autoral Brasil Kiss FM, que será comandado por Paul Martins, Marcel Costa e com 'pitacos' de Edu Parez, também tem como diferencial os prêmios. Entre eles, bolsas de estudo de música, cursos de Music Business, gravação de singles em grandes estúdios, gravação de videoclipe, sessão de fotos profissionais, vagas para grandes festivais, além de instrumentos musicais e acessórios.
 
"Pode soar audacioso quando falamos sobre a renovação do rock nacional, mas acredito que a chegada da internet e, principalmente, das redes sociais e plataformas digitais, nos possibilitou conhecer inúmeras bandas brasileiras de rock. Elas têm qualidade, capacidade e merecimento de fazer parte da programação das maiores rádios do Brasil e do mundo", afirmou Paul Martins. "Artistas independentes estão se profissionalizando, aprendendo sobre gestão de carreira, desenvolvendo novos modelos de negócios para o mercado da música e, com isso, estão gerenciando melhor as suas carreiras. A Kiss FM já entendeu essa demanda há tempos e por isso aposta nessa renovação através do programa", acrescentou.
 
Paul Martins ainda ressalta a importância da década de 80 para o rock nacional, mas aponta mudanças significativas do cenário. "A década de 80 e meados de 90 nos trazem muita inspiração. A cultura do rock nunca esteve tão em alta, mas os anos passaram e a forma de produzir e consumir música mudou. Precisamos acompanhar as transformações tecnológicas e de comportamento. Costumo dizer que a fatia do bolo é menor para todos os artistas e, por isso, é importante unir o antigo com o novo, o grande com o pequeno, nesta reconstrução e renovação do rock nacional", observou.
 
Artistas e bandas que tiverem interesse em participar do Autoral Brasil Kiss FM, ficar por dentro das informações sobre o mercado da música e construção de carreira, devem se cadastrar no site  autoralbrasil.com.br. Para participar das promoções do programa e concorrer a prêmios, fiquem atentos as Redes Sociais da Kiss FM.

O ouvinte poderá acompanhar o programa em São Paulo (102,1 FM), Campinas (SP) e região (107,9 FM), Rio de Janeiro - São Gonçalo (91,9 FM) e litoral paulista (102,9 FM), ou pelo site kissfm.com.br.
 
SERVIÇO:
Veículo: Rádio Kiss FM 102,1
Programa:  Autoral Brasil Kiss FM
Apresentação: Paul Martins e Marcel Costa
Estreia: 7 de fevereiro (quinta-feira)
Periodicidade: Quintas-feiras (ao vivo)
Horário: Das 21 às 22h
 
Site e Redes Sociais da Kiss FM
Site: www.kissfm.com.br
Facebook: facebook.com/radiokissfm
Instagram: @kissfm1021
 
Site e Redes Sociais do programa Autoral Brasil Kiss FM
Site: www.autoralbrasil.com.br
Facebook: facebook.com/autoralbrasilkissfm
Instagram: @autoralbrasilkissfm

 

Hard:On lança clipe de faixa-título do novo álbum

A faixa "Bad Habits Never Die", faixa-título do segundo álbum da banda de hard rock Hard:On, acaba de ganhar um videoclipe. Gravado no Rocks Studio, com direção de Ricardo Amaro e fotografia e edição de Eric Teixeira, o vídeo antecipa o lançamento do sucessor do debut "Hård:On", lançado pela Shinigami Records e que obteve destaque como um dos melhores do hard rock nacional em 2016. "Tivemos uma ideia simples durante as sessões de gravação do disco. Registramos o vídeo em pouco tempo, valorizando a música e tomando um cuidado especial para capturar as imagens", observou o baixista Ricardo Bolão.
 
Veja o clipe em https://youtu.be/otAV0gfi3Hg



A música, que surgiu de um riff criado pelo guitarrista Alex Hoff, foi tomando corpo com groove e peso criados pela cozinha de Ricardo Bolão (baixo) e Daniel Gohn (bateria). "Depois que o refrão e o título foram criados, Chris Hoff finalizou com a letra e a melodia das estrofes e bridges. A letra fala sobre um(a) fã 'stalker', que é obcecado por seus ídolos, mesmo sabendo que nunca terá a presença deles em sua vida cotidiana", explicou Alex Hoff.
 
A produção das nove faixas do álbum "Bad Habits Never Die", que será lançado pela Shinigami Records, foi feita pela banda, ao lado do renomado produtor José "Heavy" Luís Carrato (SP Metal, Ratos de Porão, Platina, A Chave do Sol, Gueto, Camisa de Vênus, Inocentes e outros). A parte instrumental foi registrada no Rocks Studio (SP) e as vozes no Cubic Sun Studios, em Berlim (ALE). "Exploramos novos estilos dentro do hard'n'heavy para as novas composições, mas sem perder a essência 80's do Hard:On", concluiu Chris Hoff.
 
Site relacionado: http://www.hardonmusic.com

Ouça o álbum "Hård:On" no Spotify em
https://is.gd/3PI7OQ


Notas relacionadas na ASE:

- Hard:On inicia gravações de novo álbum


- Hard:On lança videoclipe de 'Here I Am'

Silver Mammoth prepara novo lançamento

Após o terceiro álbum, "Mindlomania", lançado em novembro de 2015, o Silver Mammoth subiu de patamar e foi considerado um dos principais nomes do classic rock brasileiro. Isto culminou no lançamento de "Silver Mammoth Singles", que saiu no primeiro semestre de 2017. "Para nós, 'Silver Mammoth Singles' representou um trabalho comemorativo por conta do excelente alcance midiático e de público que adquirimos nos últimos anos", explicou o vocalista Marcelo Izzo. "O lançamento se deu com exclusividade no formato vinil 7" e contou com as inéditas 'Let Me Hide You' e 'Coup To The End', que mais tarde receberam videoclipes", acrescentou.
 
Veja o clipe de 'Let Me Hide You' em https://youtu.be/haecby-PkEY



O grupo anuncia agora o lançamento do seu próximo trabalho, "Rise Up - Alive And Old Feelings", que contará com faixas ao vivo e três releituras para clássicos de AC/DC, Motörhead e Black Sabbath. Além destas, o repertório trará duas músicas inéditas e uma versão acústica da já clássica "Natural Love", faixa do debut homônimo lançado em 2013. "As faixas ao vivo que irão ajudar a compor o tracklist foram extraídas da 'Singles Tour', que contou com um apanhado dos melhores momentos de nossos lançamentos", revelou Marcelo Izzo.
 
Já o projeto "Unified Trilogy" será resgatado em "Rise Up - Alive And Old Feelings" com as versões de "Jailbreak" (AC/DC), "White Line Fever" (Motörhead) e "Symptom of the Universe" (Black Sabbath). Porém, o 'grand finale' ficará por conta de duas composições inéditas e a releitura acústica de "Natural Love". "Esta é uma das composições mais comerciais da Silver Mammoth e uma das preferidas de parte de nossos seguidores", concluiu o vocalista.
 
Veja o vídeo de "Natural Love" em https://youtu.be/Fo35132SUYg


 
O lançamento de "Rise Up - Alive And Old Feelings" se dará no primeiro semestre através da MS Metal Records, com distribuição para os mercados brasileiro (Voice Music), europeu e asiático (MS Metal Records).
 
Mais informações em http://silvermammothband.com
 
Contato para shows: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.



Notas relacionadas na ASE Music:

- Silver Mammoth conclui 'Unified Trilogy' com clássico do AC/DC

- Silver Mammoth libera vídeos ao vivo da 'Singles Tour'



Manifesto Bar recebe Kip Winger em set acústico repleto de sucessos

O vocalista e multi-instrumentista americano Kip Winger (Winger, ex-Alice Cooper) voltará a reviver os tempos do álbum acústico "Down Incognito" (1998), sucessor do debut solo, "This Conversation Seems Like a Dream" (1997) em show que será realizado no dia 31 de março, a partir das 18h, no Manifesto Bar, em São Paulo (SP). Além de músicas da carreira solo, o repertório contará com os grandes clássicos do Winger, como "Miles Away", "Rainbow In The Rose", "Down Incognito", "Headed For A Heartbreak", "Blind Revolution Mad". Na ocasião, Kip estará na companhia do percussionista Robbie Rothchild.
 
Venda online na Ticket Brasil: https://ticketbrasil.com.br/show/6743-kipwinger-saopaulo-sp/
 
Kip Winger
"Um dos mais talentosos com quem trabalhei." O depoimento a respeito de Charles Frederick Kip Winger, 57 anos de idade, é de Alice Cooper, que, inclusive, foi quem sugeriu o nome Winger para a banda do vocalista, multi-instrumentista e compositor americano. "Achei que estava brincando, mas ele sempre disse que considerava um bom nome", declarou Kip, que soube aproveitar todos os momentos ao lado de Cooper, com o qual gravou "Constrictor" (1986) e "Raise Your Fist And Yell" (1987).
 
Nascido em 21 de junho de 1961, em Denver/Colorado, Kip é filho de pais jazzistas. Assim, aos 5 anos de idade, matriculou-se em um programa experimental de música para crianças promovido pela Yamaha. Até conseguir a vaga na banda de Alice Cooper como baixista, integrou o Blackwood Creek com seus irmãos, Paul e Nate, o Colorado e o Wingerz. Também estudou violão clássico e se arriscou no caratê e balé. Essa última foi por influência de sua então namorada, que sonhava em ser bailarina. Como nenhuma de suas amigas quis fazer aulas, foi convencido por ela a entrar no curso. "Essa foi uma experiência que ampliou meus conhecimentos", declarou.
 
Aos 21 anos de idade, foi tentar a sorte em Nova York e passou a morar na sala da casa do produtor Beau Hill e a estudar composição com Edgar David Grana. Hill, que começava a se destacar, o recrutou para alguns trabalhos com Kix e Fiona, além de apresentá-lo ao guitarrista Reb Beach. A interação foi instantânea, mas as demos da banda ViceVersa não deram em nada. Porém, depois que a dupla se uniu ao baterista Rod Morgenstein (Steve Morse e Dixie Dregs), veio o contrato com a Atlantic e a fama com o Winger, completado por Paul Taylor, outro ex-Alice Cooper.
 
Se o grupo foi ridicularizado na série "Beavis e Butt-head", por causa do personagem Stewart, ou se teve atritos com Lars Ulrich do Metallica, o talento e a versatilidade de Kip Winger falaram mais alto. As vocalizações intensas e de grande alcance de Kip, que também toca baixo e teclado nos shows, chamam atenção tanto em músicas pesadas como no hard rock, AOR, prog, blues e nas 'power ballads'.
 
Hoje, aos 57 anos de idade, ele tem cinco discos solo gravados, com destaque para "This Conversation Seems Like a Dream" (1997), além de ser compositor da premiada peça clássica "Ghosts" e de "Conversations with Nijinsky", que celebra a vida do coreógrafo Vaslav Nijinsky. A gravação, executada pela San Francisco Ballet Orchestra em "C.F. Kip Winger: Conversations with Nijinsky, Ghosts & A Parting Grace" (2016), obteve o primeiro lugar na categoria de música clássica tradicional da Billboard. Além disso, foi indicada ao Grammy como Melhor Composição Clássica Contemporânea.
 
Afora os seis trabalhos de estúdio com o Winger, diversas participações especiais e gravações em álbuns-tributo, Kip ainda gravou projetos como The Mob, XCarnation e Blackwood Creek, revivendo o início de carreira. Com tantos predicados, ele merece mesmo ser conhecido apenas pelo hit "Miles Away"?

Texto: Ricardo Batalha (Revista Roadie Crew)



Serviço – Kip Winger:
Data: 31 de março (domingo)
Abertura da casa: 18h | Show: 20h
Local: Manifesto Bar
Endereço: Rua Iguatemi, 36, Itaim Bibi - São Paulo/SP
Ingressos: R$ 120 (promocional 1º lote)
Venda online na Ticket Brasil: https://ticketbrasil.com.br/show/6743-kipwinger-saopaulo-sp/
Fone: (11) 3168-9595 | WhatsApp (11) 94747-5883
Cartões: Visa, Mastercard, Elo, American Express e Dinners
Débito: Visa Electron, Maestro, Rede Shop
Censura: 16 anos
Acesso a deficientes / ar condicionado
Wi-fi: a casa possui acesso a internet sem fio
Serviço de Vallet: R$20,00
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Site: www.manifestobar.com.br

Para mais informações sobre a turnê, acesse o site da FREE PASS:
http://freepass.art.br/shows/kip-winger-no-brasil-2019/




FlowerLeaf: a força do symphonic metal ao vivo

A banda FlowerLeaf, que vem obtendo bons resultados com o álbum de estreia, "Stronger", fará a sua estreia nos palcos no próximo domingo (20). Vivs Takahashi (vocal) e Marcelo Kaczorowsky (baixo) se unirão ao guitarrista Raphael Gazal, que produziu o disco, e ao baterista Gustavo Franceschet. O repertório do evento, que será realizado a partir das 15h no Espaço Som, em São Paulo, trará os singles/vídeos "Firesoul" e "Girl in Pearls", que entrou em duas playlists oficiais do Spotify, Heavy Queens e New Blood.
 
"Nosso álbum de estreia vem obtendo boa aceitação entre os fãs de symphonic metal, na mídia e com músicas sendo incluídas em playlists nas plataformas de streaming. Agora é hora de mostrar como soamos ao vivo", disse Vivs Takahashi. "Além do apoio de Raphael Gazal e Gustavo Franceschet, teremos a presença de Mylena Monaco, da Sinaya, que participou do álbum como convidada em 'Not My Fault'. Além dela, teremos a cantora Roseane Soares, que fará sua participação em 'We Will Stand', música que fala, principalmente, sobre como as pessoas não vão se calar e que, juntas, são mais fortes", completou a vocalista.
 
Veja o clipe de "Girl in Pearls", dirigido e editado por Juily Manghirmalani, em https://youtu.be/swnodv4ffjc



Serviço – FlowerLeaf:
Data: 20/01/2019
Horário: 15:15
Local: Espaço Som
Endereço: Rua Teodoro Sampaio, 512 - São Paulo/SP
Para adquirir o ingresso antecipado (R$15) acesse: https://is.gd/5mYcSA
Ingresso na porta: R$25
 
Site relacionado: www.flowerleafband.com
Spotify: https://goo.gl/AwtbHi
 
Contato: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.



 
* Comunicado para a imprensa: A FLOWERLEAF está disponível para entrevistas. Para baixar o press kit e as faixas do álbum, acesse: https://is.gd/fn8L4l
 
Nota relacionada na ASE:
FlowerLeaf estreia com álbum 'Stronger' em novembro

Chaosfear: novos caminhos em 'Global Atrocity'

Quando Fernando Boccomino (vocal e guitarra), Eduardo Boccomino (guitarra), Marco Nunes (baixo e teclado) e Billy Houster (bateria) tomaram a decisão de retomar os trabalhos do ChaosFear, o objetivo era escrever uma nova história com a banda. Assim, no final do ano passado, o quarteto lançou o single "Global Atrocity", que está disponível nas plataformas de streaming (Spotify, Deezer, Apple Music, Amazon). "O impulso para o retorno do Chaosfear foi a possibilidade de escrever uma nova história com a banda. Além disso, criar músicas com uma roupagem mais atual e que mostrasse os dois mundos pelos quais transitamos: o thrash/death 'old school' e o som de bandas como Gojira, Meshuggah, Opeth e Periphery", explicou o vocalista e guitarrista Fernando Boccomino.

Para ouvir o novo single, acesse: https://youtu.be/1sZw6QouJ80



Produzido pela banda ao lado de Wagner Meirinho (Loud Factory) e com arte de capa a cargo de W. Perna (Genocidio), "Global Atrocity" traz vocais mais limpos e graves, além de variar melancolia e agressividade. A faixa retrata uma revolução interna, um recomeço após um período traumático, algo como um grito por liberdade e atenção. "O mundo de hoje pode ser apresentado como um conjunto de atrocidades. Pessoas cada vez mais individualistas, um mundo digital cada vez mais cheio de tentações e mentiras; ou seja, uma verdadeira atrocidade global", explicou o baterista Billy Houster. "Os vocais em Global Atrocity misturam melancolia e agressividade, traduzindo de forma direta a ideia contida na letra", completou Fernando Boccomino.
 
Antes de "Global Atrocity", que sairá em breve em lyric video, o último registro do quarteto havia sido o EP "Legacy of Chaos" (2012), mas a história do grupo teve início há exatos 20 anos, quando ainda atendia por Sick Mind. Com os álbuns "One Step Behind Anger" (2006) e "Image of Disorder" (2008), além dos EPs "Inside The Extreme World" (2003) e "Legacy of Chaos" (2012), o ChaosFear está de volta ao caos.
 
Site relacionado: www.facebook.com/chaosfear
 
Contato para shows: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.




The Secret Society: novo single e lyric video fecham ciclo antes do primeiro álbum

Mesmo concentrado em estúdio na produção do primeiro álbum 'full', o trio curitibano The Secret Society encerra o ano apresentando o lyric video do single "Fields of Glass", produzido por Alysson Pugas. A escolha não foi por acaso, pois quando Guto Diaz (vocal e baixo), Fabiano Cavassin (guitarra) e Orlando Custódio (bateria) se reuniram, no final de 2016, o primeiro fruto foi "Fields of Glass". "Nós entramos em pré-produção no começo de novembro e gravamos 15 músicas, algumas que, inclusive, estavam sendo tocadas ao vivo desde o final do ano passado. Porém, depois do clipe de 'The Architecture of Melancholy', quisemos fechar um ciclo e encerrar 2018 com este lyric video", explicou o guitarrista Fabiano Cavassin.
 
Veja o lyric video de "Fields of Glass" em https://youtu.be/B3DCAd9TiR8



Segundo o autor Guto Diaz, a letra de "Fields of Glass" tem como tema principal a metáfora do "rastejar sobre campos de vidro debaixo de um sol escaldante num deserto de incertezas". "É como se fosse um momento de grande dificuldade, dúvidas e mudanças que alguém esteja passando. A aceitação da impermanência das coisas e a oportunidade de recriar e reconstruí-las numa direção melhor. Depois, com a vinda da chuva e, posteriormente, do sol e do arco-íris, chegam o alívio, a limpeza e a libertação", explicou o vocalista e baixista.
 
O The Secret Society, que recentemente fez a abertura para o guitarrista alemão Uli Jon Roth em Curitiba e se apresentará no dia 9 de fevereiro ao lado de Sepultura, Motorocker e outras no festival "Curitiba Motorcycles", pretende lançar o álbum no primeiro semestre de 2019. O material, que seguirá explicitando as referências de Killing Joke, Danzig, The Sisters Of Mercy, The Cult, Bauhaus, Paradise Lost, The Mission, Joy Division, Christian Death e Nick Cave, trará faixas como "Beyond The Gates", "Mephistofaustian Transluciferation" e "Rite of Fire", que já vinham sendo apresentadas nos shows.
 
Site relacionado: www.thesecretsociety.com.br

Contato para shows: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.




Nota relacionada na ASE Music:
The Secret Society: clima soturno em clipe de 'The Architecture of Melancholy'




Silver Mammoth conclui 'Unified Trilogy' com clássico do AC/DC

Após participar dos tributos ao Black Sabbath e Motörhead, o Silver Mammoth apresenta o single de sua versão para um clássico do AC/DC, "Jailbreak", que integrará o álbum-tributo "For Those About to Brazil... (The Brazilian Tribute to AC/DC)", que será lançado pelo selo Inglês Secret Service Records. "Lembro que pouco tempo depois do lançamento do EP ''74 Jailbreak', o Brasil vivia a expectativa da primeira vinda do AC/DC ao Rock in Rio de 1985. 'Jailbreak', que tinha saído originalmente na versão australiana de um clássico da fase com o saudoso Bon Scott, 'Dirty Deeds Done Dirt Cheap' (1976), foi para as rádios, teve o clipe exibido e estourou por aqui!", recorda o vocalista Marcello Izzo. "Escolhemos fazer uma versão com nossa roupagem, abordando nossas características, mas sem tirar a vibração dançante da versão original. Encerramos o projeto 'Unified Trilogy' com muita satisfação, pois fazer estas versões com novas roupagens foi uma experiência bem bacana", acrescenta.
 
Para conferir o single, acesse: https://youtu.be/8fTyk8iYNBA



O Silver Mammoth, que recentemente teve a música "Coup to the End" incluída na "Peso Brasuca", playlist exclusiva da CD Baby no Spotify, agora passa a se concentrar nas novas composições e na pré-produção do novo álbum. O sucessor de "Mindlomania" (CD, 2015) e "Silver Mammoth Singles" (vinil, 2017) será lançado no segundo semestre de 2019 pela MS Metal Records.
 
Mais informações em http://silvermammothband.com/




Nota relacionada na ASE Music:
Silver Mammoth libera vídeos ao vivo da 'Singles Tour'



Visit fbetting.co.uk Betfair Review