Notícias Wolfpire

Biografia Wolfpire

Fotos Wolfpire

Download Wolfpire

Músicas Wolfpire

Vídeos Wolfpire









 
 
 
 

Release Wolfpire

Wolfpire - Naughty and Hungry

Download EPK (press kit) em https://is.gd/23aDc4


Um nome que resulta da mistura de lobo com vampiro poderia ser visto, em um primeiro momento, como parte da identidade de uma banda gótica. Porém, a origem do grupo paulistano de hard rock Wolfpire está em personagens híbridos, temas recorrentes nos filmes atuais de sucesso. Segundo o dicionário informal, a expressão 'wolfpire' estaria sendo usada por estudantes de algumas regiões como gíria para apelidar mulheres muito bonitas de um determinado grupo – "aquela garota é muito linda, não é desse mundo, ela só pode ser uma Wolfpire!"

Quando o guitarrista Luiz Casadio convidou o vocalista Doug Muratore para o projeto, tinha em mente que todos os integrantes deveriam demonstrar paixão pela música, especialmente pelo hard rock clássico, da maneira que era feito nos anos 1980. Com o time completo em 2017, o grupo finalizou a gravação de seu álbum de estreia, "Naughty and Hungry", lançado em 24 de novembro pela ONErpm e, de forma independente, no formato físico em CD.

Apesar de apresentar uma personagem, não é um trabalho conceitual e apenas algumas músicas tratam do tema. "As faixas são distintas. Cada música carrega uma característica diferente da outra e penso que essa variedade fará o ouvinte passear por diferentes climas e ambientes", analisa Casadio. "É hard rock inspirado no que existia de melhor nesse estilo nos anos 80", acrescenta o guitarrista, que gravou e mixou o trabalho em seu próprio estúdio, Casadio Studio (SP). Já a masterização foi realizada por Pablo Coitino, na empresa Binaulab.

Entre os destaques do álbum, que foi apontado entre as revelações do hard rock brasileiro de 2017, estão os singles e videoclipes "Scene Queen", "Shadows" e a balada "Alongside Me", que traz participações da saxofonista Nathalie Barch e da cantora Suê Domingues. A letra aborda o sentimento de perda, a necessidade em saber a sua importância para a outra pessoa e a luta pelo reencontro. Traz um lado romântico, pois, após a separação, o casal se questiona sobre qual era o real sentimento que um nutria pelo outro. "As inspirações estão em bandas como Giant, Toto, Firehouse, Journey, Human Zoo, Strangeways, Foreigner e Le Roux", detalhou Casadio.

Se "Shadows", o primeiro clipe, traz o personagem central expressando a liberdade após viver com a sensação de ter sido explorado em um relacionamento conturbado, o clipe de "Scene Queen" aponta para outro caminho. "O título é dado para algumas 'vloggers' que conseguem atingir um sucesso na internet. Descobri esse universo após uma amiga, considerada 'scene queen', me contar a sua história. Achei que tema seria interessante e combinaria com o estilo e a linguagem do hard rock", apontou Casadio. "Deixei a música com certa sensualidade, usando riffs com um pouco de suingue, mas o clipe traz, inicialmente, o que seria o dia a dia de uma 'vlogger'. É diferente do clipe de 'Shadows', que foi mais sombrio. No entanto, a personagem esconde um segredo que só é revelado no final", completou.

O Wolfpire planeja seguir produzindo mais vídeos, enquanto se prepara para atacar nos palcos.

VIDEOCLIPES:
"Scene Queen" - https://youtu.be/VdaYkccDg7c
"Shadows" - https://youtu.be/YTWUS6JDsnU
"Alongside Me" - https://youtu.be/X7tyXMTnP5U

"Naughty and Hungry" no Spotify: https://is.gd/LfoXvg

Formação:
Doug Muratore - vocal
Luiz Casadio - guitarra
Furuken - guitarra
Hall Mayan - baixo
Lyan Lee - bateria
Markus Mioranzza - teclado

Sites relacionados:
www.facebook.com/wolfpireofficial
www.instagram.com/wolfpireofficial
https://twitter.com/wolfpireband

Contato para shows e merchandising: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

"NAUGHTY AND HUNGRY" - FAIXA A FAIXA:

1. The Race
De forma metafórica, transporta o ouvinte para uma disputa, uma corrida para conquistar o coração de uma jovem sob a ótica de um dos competidores. "É uma 'música para a estrada'. A saída do cotidiano, a sensação de liberdade, poder ir para um lugar diferente, um misto de ansiedade e adrenalina, além do clima de aventura. Uma sensação induzida por alguns comerciais de televisão ou programas de TV que sempre associavam a imagem do esporte ao rock", explica Luiz Casadio. "Durante essas viagens, escutava algo dinâmico, principalmente de bandas como o Whitesnake, Mötley Crüe, Scorpions, Loudness, Van Halen, Deep Purple e até álbuns instrumentais de artistas como Steve Vai, Joe Satriani e Steve Morse, entre outros", acrescenta o guitarrista.

2. Scene Queen
Um fã de uma 'Scene Queen' fala sobre a sua paixão, sua loucura e os seus sentimentos por ela. "Scene Queen é um título dado para algumas Vloggers que conseguem atingir um sucesso na internet. Descobri esse universo após uma amiga, considerada Scene Queen, me contar a sua história. Achei que o tema seria interessante e combinaria com o estilo e a linguagem do hard rock", diz Casadio. "Deixei a música com certa sensualidade, usando riffs com um pouco de 'swing'. É possível notar inspirações vindas do Kiss, Ratt, Scorpions, Whitesnake, Badlands, Lynch Mob, Firehouse, XYZ e Hardline", completa.

3. Wolfpire
Música que introduz a personagem Wolfpire, coloca o ouvinte em um ambiente que mistura terror e sensualidade. A letra revela as características da personagem principal, uma mulher sensual que, na realidade, é um misto de vampira e lobo, que se utiliza da sensualidade para atrair as vítimas e se alimentar. "Musicalmente, as referências são várias, mas penso que ao concretizar as melodias acabei caindo em sonoridades que transitam entre o hard rock e o hard'n'heavy, como Dokken, Alice Cooper, Quiet Riot, Europe, Cinderella, W.A.S.P. e Mötley Crüe", analisa Casadio.

4. Shadows
Durante o término de um relacionamento conturbado, o personagem expressa a sua liberdade após viver às sombras, com a sensação de ter sido explorado. "A música é enérgica e as principais influências são Ratt, Winger, Tyketto, TNT, Dokken e Europe", revela Casadio.

5. Alongside Me
A letra da primeira balada do repertório aborda o sentimento de perda, a necessidade em saber a sua importância para a outra pessoa e a luta pelo reencontro. Traz um lado romântico, pois, após a separação, o casal se questiona sobre qual era o real sentimento que nutriam um pelo outro. "Ela é mais voltada para as bandas de AOR e melodic rock. É possível notar essa tendência até pela introdução, com um solo de sax. As inspirações estão em bandas como Giant, Toto, Firehouse, Journey, Human Zoo, Strangeways, Foreigner e Le Roux", detalha Casadio.

6. Chains
A aventura, a liberdade e a quebra dos conceitos ("quebra das correntes") para vivenciar uma paixão são temas que nortearam a criação de Casadio, que se inspirou em trilhas sonoras de filmes. "Alguns compositores que gosto atuaram quase que exclusivamente em filmes. De forma geral, as influências vieram de Stan Bush, Kenny Loggins, Survivor, Sammy Hagar, Paul Engemann e Robert Tepper, entre outros."

7. Waiting
A espera e a conquista pela pessoa que sempre desejou. "Assim como 'Chains', ela tem a inspiração em trilhas sonoras de filmes. A letra é romântica e o interlocutor fala do seu sentimento de felicidade por ter conseguido encontrado a pessoa que sempre esperou", revela Casadio.

8. Midnight Train
Dentro de um trem a caminho de uma batalha, um soldado expõe vários sentimentos diante do perigo, pedindo para que possa ser libertado dessa situação. A letra revela a lembrança de cenas de filmes antigos de guerra em preto e branco, de soldados embarcando nos trens rumo aos campos de batalha. "Fiquei imaginando o quão difícil era essa situação. Mesmo mudando de época, com transportes mais avançados e uma tecnologia mais moderna, a guerra sempre terá a situação dos soldados que partem sem saber se retornarão", explica Casadio. "Várias bandas de hard fizeram músicas que flertavam com o country, utilizando violões folks de 6 e 12 cordas. Sempre gostei dessa mistura, que era bem frequente nos anos 1980. 'Midnight Train' traz essa abordagem e é inspirada em Cinderella, Bon Jovi, Tora Tora, Warrant, Firehouse, Damn Yankees, Tesla e Poison", descreve o guitarrista.

9. The Sound of Rock and Roll
Uma celebração ao rock, um convite a sair da ociosidade e se agitar com o rock'n'roll. "Essa música é ingênua mesmo, mas sempre curti sons com 'gang vocals', como se fosse um grito de torcida ou um grito de guerra, normalmente exaltando o rock. As influências giram em torno de Twisted Sister, Def Leppard, Autograph, Aerosmith, Queen e AC/DC, entre outros", aponta Casadio.

10. Hard Enough to my Heart
Uma declaração romântica ao mais puro estilo hard rock por meio de uma balada, em que retornam elementos do AOR e melodic rock. "Procurei trabalhar com variações rítmicas, de forma a criar climas diferentes durante a evolução da música, que traz influências de Waysted, Van Halen, Winger, Europe, Def Leppard, Toto, Journey, Bon Jovi, Aerosmith, Steelheart e Heart", conta Casadio.

11. Spiders
Uma luta de forma agonizante para se livrar dos conflitos e das "aranhas que caem sobre os olhos". Apesar das conquistas e vitórias na vida, o personagem central vive em conflito, em uma luta para se livrar de seus fantasmas. "'Spiders' se originou de uma mistura de estilos, em especial, com o gótico. Ela traz uma letra metafórica, mas que segue uma característica melancólica. O clima é sombrio, com momentos 'épicos', porém, sem perder as características do hard rock", explica Casadio. "Seria estranho apontar que ela foi inspirada em The Sisters of Mercy, Siouxsie And The Banshees e Bauhaus, da mesma forma que em AC/DC, W.A.S.P., Mötley Crüe, Def Leppard, mas foi realmente o que aconteceu", conclui o guitarrista e compositor.




 

 

 


Visit fbetting.co.uk Betfair Review