Santo André quer manter o quadro de evolução nos jogos contra o Sampaio fora de casa

O Basketball Santo André/APABA enfrenta o Sampaio Corrêa, nesta terça-feira (15 de março), às 20h00 (de Brasília), no ginásio Castelinho, em São Luís (MA), dando sequência ao returno da fase inicial da Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016. O time do Grande ABC quer a vitória para seguir em crescimento e garantir vaga nos playoffs.

“Acho que nossa equipe vem de uma crescente, fizemos bons jogos contra o América de Recife e diante do Maranhão em casa também, por isso, temos tudo para continuar nessa crescente, obtendo as vitórias para nos classificarmos. Será um jogo duríssimo, mas acredito que se darmos o nosso melhor e estarmos forcadas, poderemos conquistar o nosso objeto”, comenta a lateral Jaqueline Silvestre, do time andreense.

“Como todos os jogos da LBF, estamos indo pra ganhar, é obvio, mas é agora diferente, pois queremos a classificação, então tempos que entrar mais focadas do que nunca. E, estou sentindo o time assim, bem fechado. Mesmo sabendo que o Sampaio é um time muito forte e que conta com grandes jogadoras, estamos indo para essa partida com unhas e dentes e, porque não, sair com uma vitória”, complementa a ala/pivô Vanessa “Sassa” Gonçalves, também da equipe paulista.

Na última vez que esteve em quadra, o Basketball Santo André/APABA bateu o Maranhão Basquete, atuando em casa, por 75 a 48. Já o Sampaio Corrêa perdeu para o Corinthians/Americana, jogando fora de seus domínios, por 81 a 68.

Na classificação geral, o representante paulista aparece na quinta colocação, com 18.8% de aproveitamento – 03 vitórias e 13 derrotas. Já a agremiação maranhense ocupa o terceiro lugar, com 75.0% de aproveitamento – 12 vitórias e 04 derrotas.

Nos confrontos entre as duas equipes, válidos pelo turno desta fase inicial, duas vitórias do Sampaio Corrêa, mesmo jogando fora de seu ginásio: 70 a 63 e 82 a 63.

O double-game do returno acontece na quarta-feira (16 de março), às 20h00 (de Brasília), também no ginásio Castelinho, em São Luís (MA).

 

Torcedora especial motiva ainda mais Sassa Gonçalves para clássico na LBF

A ala/pivô Vanessa “Sassa” Gonçalves, do Basketball Santo André/APABA, terá um incentivo a mais para o duelo contra o Corinthians/Americana, que ocorre na segunda-feira (15 de fevereiro), às 20h00 (de Brasília), no ginásio Municipal Pedro Dell’Antonnia, na cidade de Santo André (SP), pelo returno da fase inicial da Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016.

A mãe da jovem jogadora, Andréia Fabiana Fausto, que ficou cerca de cinco anos presa, estará nas arquibancadas e verá a filha atuando pela primeira vez. “Começamos o segundo turno pegando logo uma pauleira, mas é isso aí, o brasileiro não desiste nunca e nós também não (risos). O time está cada vez mais entrosado e confiante, acho que todos nós estamos esperando uma vitória e vamos encarar este duelo como se fosse um ‘mata-mata’, pois o time de Americana é muito bom, então entraremos com muita garra e com toda determinação possível”, comenta Sassa.

“Eu, inclusive, pretendo fazer um belo jogo, pois minha mãe vai estar me assistindo na arquibancada, então creio que isso é um incentivo a mais para mim e para a nossa equipe também”, complementa a ala/pivô.

E, a equipe andreense, que aparece no quinto lugar na classificação geral, com 20.0% de aproveitamento – 02 vitórias e 08 derrotas – precisa deste incentivo para conquistar o resultado positivo e quebrar uma sequência negativa de seis jogos. Na última vez que esteve em quadra, o Basketball Santo André/APABA foi superado pelo Maranhão Basquete, jogando fora de casa, por 76 a 50.

Já nos duelos válidos pelo turno desta fase inicial, o Corinthians/Americana venceu os dois, atuando em seu ginásio: 84 a 73 e 77 a 51.

Sassa Gonçalves elege 2016 como o ano das mudanças positivas

A ala Sassa Gonçalves, do Basketball Santo André/APABA, vê 2016 como o ano das mudanças positivas, seja na vida pessoal, familiar ou mesmo na profissional. O primeiro passo é voltar a conviver com a mãe, Andréia Fabiana, que está prestes a sair da cadeia, já o seguinte é dar um upgrade na carreira esportiva, lutando para retornar a Seleção Brasileira.

“Eu comecei esse ano pensando em mudanças, acho que de verdade vai haver um bom número de alterações positivas. Minha mãe está para sair e vou voltar a conviver com ela, o meu basquete, confesso que depois que operei, sei lá, parece que foi tirada uma parte de mim. Imaginei que nunca mais votaria a ter a explosão que tinha antes, mas não, iniciei o ano bem e treinando forte”, relata Sassa, que quer usar este período sem jogos para retornar muito bem a disputa da Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016.

“Então, pessoalmente, esse vai ser um ano muito bom, tanto na questão familiar, quanto no meu lado profissional, que é o basquete e eu amo o que faço. Óbvio que almejo retornar a Seleção Brasileira, sem dúvida, mas as acho que esse não é o principal objetivo, quero fica entre os três na Liga de Basquete Feminino (LBF) e depois, sim, pensar; se for merecido, porque não uma Olímpiada, ainda mais com a minha mãe na arquibancada assistindo”, acrescenta a ala de 21 anos (20 de agosto de 1994), que é natural de Santos (SP).

Fora da quadra, Vanessa Fausto Gonçalves, a Sassa, também obtém êxito e brilha como modelo, uma coisa que começou por acaso e que vem crescendo. “O basquete segue como prioridade total na minha vida, mas enquanto puder conciliar isso com algumas atividades de modelo, vou seguir, pois estou conseguindo levar muito bem, sem que uma coisa atrapalhe a outra”, explica a atleta.

"No final do ano passado, inclusive, fiz um trabalho com um fotógrafo consagrado e acho que vai sair uma coisa bem legal. Estou aguardando”, complementa Sassa.

O Basketball Santo André/APABA ocupa atualmente a quarta colocação na classificação geral da Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016, com 25.0% de aproveitamento – 02 vitórias e 06 derrotas. O retorno a esta competição acontece no dia 04 de fevereiro (quinta-feira), às 21h00 (de Brasília), no ginásio Castelinho, em São Luís (MA), diante do Maranhão Basquete. O double-game ocorre em 05 de fevereiro (sexta-feira), também às 21h00 (de Brasília), no mesmo local.

Santo André busca a superação para os jogos diante do Sampaio Corrêa pela LBF

O Basketball Santo André/APABA busca a superação para o jogo contra o Sampaio Corrêa, nesta segunda-feira (21 de dezembro), às 20h00 (de Brasília), atuando no ginásio Municipal Pedro Dell’Antonnia, na cidade de Santo André (SP), pela quarta semana da fase inicial da Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016. O duelo terá transmissão ao vivo pelos canais SporTV.

De acordo com a técnica Arilza Coraça, o time andreense deverá jogar com alguns desfalques. “Estamos com problemas de atletas lesionadas: a Silvinha, com contratura na coxa, não joga; a Tatiana, com dores no joelho, é dúvida; enquanto que a Tassia torceu o pé no jogo contra América-PE e está se recuperando. Seguimos treinando em dois períodos, mas preocupadas por não podermos contar com equipe completa. Precisamos nos superar para enfrentar uma equipe tão forte como o Sampaio Corrêa, que conta com duas estrangeiras no grupo e três convocadas para Seleção Brasileira”, comenta Coraça.

Na visão de Jaqueline Silvestre, o apoio do torcedor será importante para o time andreense. “Contando com a nossa torcida novamente em casa e faremos o possível para conquistarmos a vitória e nos reabilitarmos na competição. O Sampaio Correia é um time novo na competição, mas conta com meninas que já enfrentávamos nas Ligas passadas. Por isso, já conhecemos o estilo de jogo delas e estamos cientes que será um jogo duríssimo, por isso, a expectativa é de um ótimo jogo”, analisa a lateral.

“Temos que entrar em quadra com o máximo de foco, pois este será um jogo difícil, como vem sendo a tônica do campeonato até aqui. Mas, esperamos jogar forte para fazer uma boa partida e lutar pelo resultado positivo”, complementa a ala Sassa Gonçalves, da equipe do Grande ABC.

Na classificação geral, o Basketball Santo André/APABA ocupa a quarta colocação, com 33.3% de aproveitamento – 02 vitórias e 04 derrotas. Já o Sampaio Corrêa aparece no terceiro lugar, com 66.7% de aproveitamento – 04 vitórias e 02 derrotas.

Nas últimas vezes que esteve em quadra, o time paulista foi superado pelo Uninassau/América-PE. Já a equipe maranhense perdeu uma e venceu outra diante do Corinthians/Americana.

O double-game entre Basketball Santo André/APABA e Sampaio Corrêa acontece na terça-feira (22 de dezembro), às 19h00 (de Brasília), no ginásio Municipal Pedro Dell’Antonnia, na cidade de Santo André (SP).

Arilza Coraça, Jaqueline Silvestre e Sassa Gonçalves aprovaram o primeiro encontro em prol do basquete feminino

A técnica Arilza Coraça e as jogadoras Jaqueline Silvestre e Sassa Gonçalves, que defendem o Basketball Santo André/APABA, estiveram presentes na reunião do colegiado das seis equipes que disputam a Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016, realizada na quinta-feira (03 de dezembro), em um hotel da zona Sul da cidade de São Paulo (SP). Durante o encontro, os integrantes das agremiações manifestaram o descontentamento com a gestão da Confederação Brasileira de Basketball (CCB) em referencia ao naipe feminino, fazendo algumas reinvindicações.

Para Arilza Coraça, achou produtivo este primeiro encontro. “Em minha opinião, mostramos que para trabalhar, precisamos acima de tudo amar o que fazemos. Planejamento, respeito e cuidado para conseguirmos que as atletas rendam o máximo. Esperar a maturidade esportiva da atleta e não simplesmente trocar a mais velha pela nova sem o devido cuidado”, comenta a treinadora.

Já Jaqueline Silvestre também gostou desta primeira movimentação em prol do basquete feminino nacional. “Foi muito bom. Muitos acham que é um protesto, mas não, são propostas para melhora do basquete feminino. Os clubes, dirigentes, atletas e comissões técnicas querem participar mais dos projetos e planejamentos da CBB e eu vejo isso sim como algo bom para o basquete feminino. Não é nada para boicotar, mas sim para melhorar”, acrescenta a jogadora.

“Eu acho que tem que ter mudanças em favor do basquete, independente qual seja, o que for melhor”, complementa Sassa.

Entre as reinvindicações estão: que a Confederação Brasileira de Basketball (CBB) aprove, de forma imediata, que os técnicos dos seis clubes que disputam à Liga de Basquete Feminino (LBF) componham o departamento técnico da entidade no naipe feminino visando às Olimpíadas de 2016; que a Confederação Brasileira de Basketball (CBB) aceite, após a primeira proposta, que os dirigentes destas seis equipes acompanhem onde serão alocados os recursos disponíveis da Seleção Feminina para as Olimpíadas.

Santo André vence a segunda diante do Presidente Venceslau em casa pela LBF

O Basketball Santo André/APABA chegou ao segundo resultado positivo ao derrotar novamente o Top Therm/Unimed/Grupo Leonardi/Sicred/Med Rad/Presidente Venceslau, neste domingo (29 de novembro), por 71 a 51 (36 a 25 no primeiro tempo), no double-game, disputado no ginásio Municipal Pedro Dell’Antonnia, na cidade de Santo André (SP), dando sequencia a fase inicial da Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016.

Assim como no primeiro encontro entre as equipes, o quarto inicial foi marcado pelo equilíbrio (17 a 17), mas a partir do segundo, com a melhora defensiva, o time da casa conseguiu desgarrar, fechando na frente (19 a 08). Na volta do intervalo, valeu a orientação da técnica Arilza Coraça, visto que o time andreense manteve o bom desempenho defensivo e jogou com desenvoltura no ataque, ampliando a sua vantagem (21 a 10).

Nos dez minutos finais, o time de Presidente Venceslau buscou a recuperação, mas a equipe de Santo André soube administrar bem esta tentativa de recuperação (14 a 16).

As atletas mais efetivas foram Tassia Carcavalli (21 pontos, 05 rebotes e 03 assistências) e Jaqueline Silvestre (20 pontos, 02 rebotes e 02 assistências), pelo time do Grande ABC; Fabi Guedes (14 pontos e 02 rebotes) e Karen Gustavo (12 pontos, 02 rebotes e 02 assistências), em favor da equipe do Interior.

“No jogo anterior estávamos com mais ansiedade e agora atuamos de forma equilibrada, defendendo melhor e atacando com tranquilidade. O que é bacana é que não estamos defendendo de uma única jogadora, uma vez que todas estão atuando bem”, comenta a técnica Arilza Coraça, enaltecendo a estreia do novo uniforme.

“Amamos o uniforme e agradecemos bastante o Marcelão, da Tocha, que foi um parceiro maravilhoso. Isso ajudou na autoestima das atletas”, complementa a treinadora andreense.

“Estamos felizes, pois queríamos estrear em casa, com duas vitórias e conseguimos”, acrescenta a ala Sassa Gonçalves, também do time andreense, que esteve em quadra por 18min11, anotando quatro pontos, apanhando dois rebotes, dando três assistências e recuperando ainda duas bolas.

“Jogar em casa é sempre bom, treinamos e fizemos de tudo para tirar o ponto forte delas e conseguimos. Agora, é trabalhar bastante para os próximos jogos, que também serão em casa e muito difíceis, para conquistarmos novos resultados positivos”, completa a lateral Jaqueline Silvestre, da equipe da casa.

Os dois próximos compromissos do Basketball Santo André/APABA serão contra o Uninassau/América, nos dias 11 e 13 de dezembro (sexta-feira e domingo), às 20h00 (de Brasília) e 11h00 (de Brasília), respectivamente, jogando novamente no ginásio Municipal Pedro Dell’Antonnia, em Santo André (SP).

Santo André supera o Presidente Venceslau e vence a primeira na LBF – 2015/2016

O Basketball Santo André/APABA alcançou a sua primeira vitória na Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016 ao superar o Top Therm/Unimed/Grupo Leonardi/Sicredi/Presidente Venceslau, na tarde deste sábado (28 de novembro), por 63 a 55 (31 a 29 no primeiro tempo), em duelo realizado no ginásio Municipal Pedro Dell’Antonnia, na cidade de Santo André (SP), válido pelo turno da fase inicial.

O jogo começou acirrado, com os dois times produzindo de forma parecida, ou seja, com os mesmos índices (12 a 12). No período seguinte, as equipes se soltaram mais e cresceram, com o representante de Santo André conseguindo um rendimento um pouco melhor (19 a 17).

Na volta do intervalo, valeu a orientação dada pela técnica Arilza Coraça, já que o time andreense voltou com outra postura defensiva, fazendo a diferença subir mais um pouco (18 a 12). Nos dez minutos finais, a equipe de Presidente Venceslau veio atrás da reação, mas o Santo André soube controlar bem e igualou as ações (14 a 14).

Os principais nomes da partida foram Jaqueline Silvestre (14 pontos, 04 rebotes, 01 assistência e 01 bola recuperada) e Thaissa Frediani (13 pontos, 01 rebote e 01 assistência), pelo time da casa; Flavia Luiza (16 pontos, 02 rebotes e 02 assistências) e a argentina Andrea Boquete (10 pontos, 06 rebotes, 03 assistências e 03 bolas recuperadas), em favor do visitante.

“Iniciamos a partida com bastante ansiedade, com erros bobos, acho que pelo fato de ser o primeiro em casa. Mas, no segundo encaixamos o jogo e começamos fazer as melhores bolas. Me dedico para ajudar minha equipe sempre e fico feliz quando consigo por em prática toda minha dedicação do dia-a-dia”, comenta a lateral Jaqueline Silvestre, do time da casa.

“Foi uma vitória importante para vermos que não é porque perdemos os dois jogos iniciais, que o campeonato acabou, muito pelo contrário, estamos no começo ainda e é sempre bom e importante vencer dentro de casa. Joguei com um foco muito grande na defesa, pois a Arilza e a Laís Elena vinham conversando comigo há algum tempo sobre isso e pude ajudar a equipe neste aspecto”, acrescenta a ala Sassa Gonçalves, também da equipe do Grande ABC.

O Basketball Santo André/APABA e o Top Therm/Unimed/Grupo Leonardi/Sicredi/Presidente Venceslau voltam a jogar, no double-game, já neste domingo (29 de novembro), às 15h00 (de Brasília), novamente no ginásio Municipal Pedro Dell’Antonnia, na cidade de Santo André (SP).

“Estamos motivadas pela primeira vitória e vamos manter esse quadro evolutivo no segundo jogo contra o time de Presidente Venceslau, quando buscaremos a segunda vitória”, finaliza Sassa.

Santo André supera o Presidente Venceslau na abertura do Paulista Feminino

O Basketball Santo André/APABA derrotou o Top Therm/Unimed/Grupo Leonardi/Sicredi/Presidente Venceslau, nesta sexta-feira (16 de outubro), no tempo extra, por 68 a 62, em duelo que abriu o Campeonato Paulista Feminino da Série A-1 – 2015, disputado no ginásio Municipal Centro Cívico, na cidade de Americana (SP). O tempo normal acabou empatado, 55 a 55 (34 a 31 no primeiro tempo).

O time de Presidente Venceslau, comandado pelo técnico Flavio Prado, começou melhor o jogo e fechou o quarto inicial na frente (18 a 21), mas permitiu a recuperação do rival, dirigido pela técnica Arilza Couraça, logo no segundo quarto, com a realização de vários contra-ataques (16 a 10).

Na volta do intervalo, o jogo seguiu equilibrado, com o representante de Presidente Venceslau conseguindo um melhor desempenho ofensivo (09 a 15). Já no último quarto, o equilíbrio foi a tônica e o minuto final foi eletrizante, com o time andreense conseguindo o empate nos segundos derradeiros, através de uma cesta de três pontos da armadora Thaissa Frediani (12 a 09).

No tempo extra, o jogo seguiu igual, até que as alas Jaqueline Silvestre, cestinha do jogo, e Vanessa “Sassa” Gonçalves converteram bolas certeiras de três pontos e o Basketball Santo André/APABA abriu uma pequena vantagem e venceu (13 a 07).

Os destaques foram Jaqueline Silvestre (18 pontos 04 rebotes, 01 assistência, 01 bola recuperada e 01 bloqueio) e Vanessa “Sassa” Gonçalves (14 pontos, 08 rebotes, 02 assistências, 02 bolas recuperadas e 01 bloqueio), pelo time do Grande ABC; Jeanne Morais (16 pontos, 08 rebotes, 01 assistência e 01 bloqueio) e Flavia dos Santos (14 pontos, 08 rebotes e 01 bola recuperada), em favor do representante do Interior.

“Esta foi uma partida difícil, pois erramos muito taticamente. No final, estávamos perdendo e a pivô Simone Lima foi guerreira, pegando três rebotes consecutivos e conseguimos empatar, levando a decisão para a prorrogação, quando crescemos defensivamente e escolhemos melhor as bolas no ataque”, comenta a cestinha Jaqueline Silvestre.

“O jogo foi difícil e tenso. Iniciamos respeitando muito o adversário e também não conseguimos um bom aproveitamento ofensivo, mas graças a Deus, na hora que foi preciso, as nossas bolas caíram. Estamos mais confiantes e jogando como uma equipe, com cada jogadora desempenhando bem a sua função”, complementa Vanessa “Sassa” Gonçalves.

Na segunda rodada, que acontece já neste sábado (17 de outubro), a partir das 16h00 (de Brasília), no mesmo local, o Basketball Santo André/APABA encara o perdedor do segundo jogo da rodada inicial (Corinthians/Santo André e a ADC São Bernardo). Já o Top Therm/Unimed/Grupo Leonardi/Sicredi/Presidente Venceslau enfrenta o vencedor do mesmo confronto.

Vanessa “Sassa” Gonçalves ministra aula aberta de basquete em escola de São Paulo

A jogadora Vanessa “Sassa” Gonçalves, do Basketball Santo André/APABA, ministrou, na noite de quinta-feira (1º de outubro), uma aula aberta de basquetebol para os alunos da Alfakids Escola de Esportes, no ginásio Poliesportivo do Colégio Agostiniano São José, no bairro do Belenzinho, em São Paulo (SP).

A jovem atleta, que esteve acompanhada da companheira de time Bianca Araújo e da professora de basquete da Alfakids, Andressa Melo, gostou da experiência. “Creio que foi bem legal e bastante gratificante, com muitas crianças participando, já que é sempre bom divulgar o basquete a crianças e jovens. Iniciamos com um trabalho de habilidade e depois fizemos um joguinho”, comenta Sassá, que também atua como modelo, paralelamente a carreira esportiva.

Na visão de Nancy Peres Rossi, proprietária da Alfakids Escola de Esportes ao lado de Fábio Adriano Rossi, tudo correu de acordo com o planejado. “O evento foi muito bom, pois as crianças e os pais gostaram bastante. As duas jogadoras interagiram a garotada, enfim, foi superpositivo”, relata.

A ala Vanessa “Sassa” Gonçalves e a pivô Bianca Araújo seguem treinando com o Basketball Santo André/APABA visando à disputa do Campeonato Paulista Feminino da Série A-1 – 2015, que será aberto no dia 16 de outubro (sexta-feira), em Americana (SP). Posteriormente, a equipe andreense disputa os Jogos Abertos do Interior e também a Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/16.

Visit fbetting.co.uk Betfair Review