Brasil é bicampeão Mundial Militar Feminino ao bater os Estados Unidos em jogo dramático

A Seleção Brasileira Feminina sagrou-se campeã da segunda edição do Campeonato Mundial Militar Feminino – 2016 ao derrotar os Estados Unidos, nesta sexta-feira (29 de julho), por 61 a 60, em duelo extremamente equilibrado, realizado em San Diego, nos Estados Unidos. Com este resultado, o selecionado nacional concluiu a sua participação com 100% de aproveitamento, vencendo os cinco jogos disputados.

“Vitória da superação, pois vencemos contra tudo e contra todos. O resultado positivo veio na garra, vontade e no coração, sofrido como deve ser feito em uma final”, comenta a ala/armadora Karla Costa, que anotou 18 pontos, 02 rebotes, 02 assistências e 02 bolas recuperadas.

Os outros destaques do selecionado nacional neste duelo final foram estes: Êga Garvão (13 pontos e 11 rebotes – double-double), Tássia Carcavalli (11 pontos, 03 rebotes e 03 assistências) e Gil Justino (10 pontos e 09 rebotes).

Os demais resultados positivos do Brasil na competição foram estes: Alemanha (108 a 38), China (68 a 66), Canadá (65 a 43) e França (79 a 62). A pivô brasileira Gil Justino foi eleita a jogadora mais valiosa da competição (MVP).

Brasil vence bem a Alemanha na estreia do Campeonato Mundial Militar Feminino

A Seleção Brasileira abriu a sua participação na segunda edição do Campeonato Mundial Militar Feminino – 2016, em San Diego, nos Estados Unidos, derrotando a Alemanha, por 108 a 38, nesta segunda-feira (25 de julho).

O time brasileiro, que é o atual campeão, foi senhor soberano das ações desde o começo, não dando chance ao rival e fazendo a sua vantagem crescer a cada período. “Iniciamos bem a nossa caminhada rumo ao bi, colocando em prática, tudo o que trabalhamos nos treinamentos”, comenta a ala/armadora Karla Costa, que anotou 16 pontos, apanhou dois rebotes, deu uma assistência e recuperou ainda duas bolas.

Os outros destaques do selecionado nacional foram a pivô Gil Justino (19 pontos e 04 assistências) e a ala/pivô Carina Felippus (14 pontos e 05 assistências).

O segundo compromisso brasileiros será contra a China, já nesta terça-feira (26 de julho). “Temos que jogar com o mesmo foco e atenção”, analisa Karla.

O Campeonato Mundial Militar Feminino – 2016 será disputado em chave única, contando com estes participantes: Brasil, Estados Unidos, China, Canadá, França e Alemanha.

Karla Costa: “Senti uma sensação indescritível”

A ala/armadora Karla Costa, de 37 anos, foi uma das condutoras da Tocha Olímpica, na quarta-feira (20 de julho), na cidade de Americana (SP). A experiente atleta do Corinthians/Americana viveu um momento de alegria e de muita emoção.

“Senti uma sensação indescritível, em que consegui compreender o significado do Fogo Olímpico. Ver as pessoas sorrindo, felizes, me fez ter a certeza que valeu a pena”, descreve Karla.

E, Karla defendeu as cores do selecionado nacional em três edições olímpicas: Atenas (2004), Pequim (2008) e Londres (2012).

“Defender a Seleção Brasileira é o sonho de qualquer atleta, de qualquer esporte. Jogar uma Olimpíada também é sonho, disputar três edições então, nem no melhor pensamento. Esse sempre foi meu sonho de criança, sempre soube que era isso que eu queria fazer da minha vida, por isso me dediquei e me dedico com muito amor todos os dias, e é muito legal ver o resultado surtindo efeito”, finaliza Karla Costa.

Karla Costa analisa positivamente preparação da Seleção Militar visando o Mundial

A ala/armadora Karla Costa vem trabalhando forte com a Seleção Brasileira Militar, que vai disputar a segunda edição do Campeonato Mundial Militar Feminino, em San Diego, nos Estados Unidos. Além do árduo treinamento, o selecionado nacional vem disputando também jogos amistosos, sendo o último contra o XV/Unimep/Amhpla/Selam, ocorrido na manhã de sexta-feira (15 de julho), em Piracicaba (SP).

“O amistoso foi bom, mas ainda não chegamos ao nosso melhor. Fizemos uma semana muito forte de treinos e esse amistoso serviu para colocarmos em prática tudo o que havíamos trabalhado”, relata Karla, salientando que o grupo precisa aproveitar essa reta final para fazer os últimos acertos.

“Daqui até o Mundial, nós temos que melhorar tudo o que não foi bem para chegarmos lá na melhor condição possível”, complementa a ala/armadora, que foi eleita a jogadora mais valiosa (MVP) da edição inicial desta competição, quando o Brasil se sagrou o grande campeão ao derrotar a China, com muita emoção, por 87 a 86 na decisão, atuando na França.

O Campeonato Mundial Militar Feminino será disputado em chave única, contando com estes participantes: Brasil, Estados Unidos, China, Canadá, França e Alemanha.

A estreia brasileira acontece em 25 de julho (segunda-feira), enfrentando a Alemanha. Em seguida, o Brasil tem estes compromissos: China (26 de julho), Canadá (27 de julho), França (28 de julho) e Estados Unidos (29 de julho).

 

Karla Costa recebe ‘Título de Cidadã Americanense’ nesta sexta

A ala/armadora Karla Costa, do Corinthians/Americana, receberá o ‘Título de Cidadã Americanense’, nesta sexta-feira (03 de junho), a partir das 19h30 (de Brasília), no Plenário Dr. Antônio Álvares Lobo, na Câmara Municipal, em Americana (SP). O evento atende ao decreto Legislativo de número 778/2016, de autoria do vereador Luiz da Rodaben.

“Estou muito feliz por ter sido indicada para o Título de Cidadã Americanense, já que isso significa que meu trabalho pela cidade por esses quase oito anos foi bem feito e reconhecido. Estou ansiosa pelo evento e orgulhosa por poder compartilhar com minha família, amigos e torcedores, essa que, em minha opinião, é uma das homenagens mais importantes da minha carreira”, relata Karla, de 37 anos (25 de setembro de 1978), que é natural de Brasília (DF).

Vestindo a camisa, primeiro da ADCF Unimed/Americana, e agora do Corinthians/Americana, Karla sempre foi um dos nomes de destaque, participando de diversas conquistas, estaduais, nacionais e internacionais, além de criar uma identidade muito grande com os torcedores e toda a coletividade da cidade.

Karla Costa realiza ação de auxílio à Creche Vila de São Vicente de Paulo

A ala/armadora Karla Costa, do Corinthians/Americana, está realizando uma ação de auxílio à Creche Vila de São Vicente de Paulo, na cidade de Americana (SP). De acordo a experiente jogadora, as crianças da referida entidade estão necessitando de Cacau em Pó.

“Estou trocando algumas camisas e moletons da Seleção Brasileira e um agasalho completo da Unimed/Americana por Cacau em Pó, lembrando que o participante, além de ter uma bela recordação esportiva, ainda estará ajudando as crianças da instituição e praticando solidariedade”, explica Karla.

A Creche Vila de São Vicente de Paulo fica na rua Campos Sáles, 950, Jardim Girassol, em Americana (SP).

Karla Costa se emociona ao rever jogadoras do passado no Jogo das Estrelas da LBF

A ala/armadora Karla Costa, do Corinthians/Americana, ficou extremamente feliz e satisfeita por participar do ‘Jogo das Estrelas – 2016’ da Liga de Basquete Feminino (LBF), que aconteceu no final de semana, no ginásio Taquaral, na cidade de Campinas (SP), reunindo estrelas do passado e do presente. Na ocasião, o elenco e comissão técnica de AA Ponte Preta, campeã Mundial Interclubes em 1993, foram homenageados.

“Emocionante e lindo. Poder fazer parte desse evento foi sensacional, chorei ao rever todas as jogadoras que me inspiraram, ao rever também a Maria Helena e a Heleninha, que me deram toda a base e princípios”, relata Karla, que defendeu o time Rainha Hortência, que venceu o time Magic Paula por 79 a 78.

“Ganhar é sempre bom. Viemos para confraternizar, para fazer um evento lindo como foi. Quando a bola sobe cada um quer o melhor de seu time. A Lisdeivi (técnica) pediu pra gente aumentar a intensidade na marcação ali no final do jogo e conseguimos levar a melhor”, acrescenta a Guerreira, que gostou bastante da festa do basquete feminino nacional.

“Homenagear Paula e Hortência sempre será pouco por tudo que elas fizeram por nosso País, só tenho a agradecer por ter vivido isso que ficará eterno no meu coração”, complementa Karla, que também participou do Torneio de Arremessos de Três pontos.

O próximo desafio de Karla Costa será o Campeonato Mundial Militar Feminino – 2016, que acontece entre os dias 24 de julho e 02 de agosto, nos Estados Unidos. “Estou em preparação para me apresentar a Seleção Brasileira Militar em junho”, finaliza a ala/armadora.

Karla Costa pede a mesma postura para o Corinthians/Americana no quarto jogo decisivo da LBF

A ala/armadora Karla Costa, do Corinthians/Americana, pede que a sua equipe tenha a mesma postura do jogo três no quarto confronto da série melhor-de-cinco do playoff – final da Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016, que ocorre nesta terça-feira (26 de abril), às 19h30 (de Brasília), no ginásio Castelinho, em São Luís (MA), com transmissão ao vivo do SporTV.

Pressionado, o time paulista conseguiu um grande rendimento e se manteve vivo na disputa pelo título. “Foi uma vitória conquistada no equilíbrio emocional, pois sabíamos que era a nossa última chance e não poderíamos desperdiçar. Encontramos nosso jogo e seguiremos focadas para o quarto duelo da série”, comenta Karla Costa.

“Ainda estamos em desvantagem e precisamos manter a mesma postura”, complementa a ‘Guerreira’.

O Sampaio Corrêa venceu os dois confrontos iniciais da série final, mesmo jogando fora de seus domínios – 81 a 58 e 83 a 66 – e garante o título inédito com um novo resultado positivo nesta quarto duelo.

Já o Corinthians/Americana, por sua vez, diminuiu a vantagem do adversário, também atuando fora de seus domínios, ganhando por 60 a 52, e agora precisa de mais um resultado positivo para igualar a disputa e levar a decisão do campeão para o seu ginásio.

Karla Costa sabe que só a vitória interessa ao Corinthians/Americana em São Luís

A ala/armadora Karla Costa sabe que o Corinthians/Americana não tem alternativa na terceira partida da série melhor-de-cinco do playoff – final da Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016, diante do Sampaio Corrêa. O time paulista, que está em desvantagem, precisa vencer neste domingo (24 de abril), ás 14h30 (de Brasília), mesmo atuando no ginásio Castelinho, em São Luís (MA), para seguir com chance de lutar pelo título.

“Só temos 40 minutos para dar sequência em nossa campanha. Não conseguimos jogar nada nos dois primeiros jogos, mas ainda acreditamos e não entregaremos nada fácil”, comenta a experiente Karla.

“É vencer ou vencer, pois só o resultado positivo nos interessa e mantém vivo na disputa”, complementa Karla.

O Sampaio Corrêa, por sua vez, venceu os dois confrontos iniciais da série final, mesmo jogando fora de seus domínios – 81 a 58 e 83 a 66 – e garante o título inédito com um novo resultado positivo.

Karla Costa crê em jogos decididos nos ‘detalhes’ na série final da LBF

O Corinthians/Americana inicia a luta pelo título da Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016, neste domingo (17 de abril), às 13h00 (de Brasília), encarando o Sampaio Corrêa-MA, no ginásio Municipal Centro Cívico, na cidade de Americana (SP), na primeira partida da série melhor-de-três do playoff – final. O clássico será transmitido ao vivo pelos canais SporTV.

“Acredito que serão ótimos jogos, decididos nos detalhes, pois final é sempre mais tensa. Precisamos estar focadas principalmente nas partidas dentro de casa, em que contaremos com apoio dos nossos torcedores, que certamente irão lotar as dependências do Centro Cívico”, comenta ala/armadora Karla Costa, do Corinthians/Americana.

Para chegar a esta decisão, o Corinthians/Americana passou pelo Maranhão Basquete no playoff – semifinal, obtendo duas vitórias e sofrendo uma derrota. “Foi ótima, para nós a primeira derrota, que nos trouxe amadurecimento e o Maranhão está de parabéns, pois conseguiu chegar a semifinal com a equipe jogando muito”, analisa Karla.

Na primeira fase da competição, a equipe do interior paulista ficou na liderança, com 85.0% de aproveitamento – 17 vitórias e 03 derrotas. Já o time maranhense concluiu a etapa inicial no segundo lugar, com 75.0% de aproveitamento – 15 vitórias e 05 derrotas.

Nos quatro confrontos entre os dois finalistas na primeira fase, ocorreram duas vitórias para cada lado: 88 a 87, para o Corinthians/Americana, e 90 a 57, em favor do Sampaio Corrêa, nos jogos em São Luís (MA); 76 a 73, para o Sampaio Corrêa, e 66 a 61, em favor do Corinthians/Americana, nas partidas em Americana (SP).

O segundo jogo da série melhor-de-três do playoff – final será realizado na terça-feira (19 de abril), às 18h30 (de Brasília), novamente no ginásio Municipal Centro Cívico, em Americana (SP). O terceiro confronto, se necessário, está agendado para 24 de abril (domingo), às 14h30 (de Brasília), no ginásio Castelinho, em São Luís (MA).

Karla Costa: “é vencer ou vencer”

O Corinthians/Americana e o Maranhão Basquete disputam o terceiro e último confronto da série melhor-de-três do playoff – semifinal da Liga ACB – 2015/2016, nesta quinta-feira (14 de abril), às 19h00 (de Brasília), no ginásio Municipal Centro Cívico, na cidade de Americana (SP). Até aqui, cada equipe venceu uma e quem conseguir repetir este feito, avança a grande final.

“É dia de matar ou morrer. Iremos jogar com a mesma raça do último jogo e não vamos desistir de estar nessa final. Vai ser mais uma partida excelente e quem tiver mais foco e vontade vai levar esse jogo”, relara a ala/armador Karla Costa, do Corinthians/Americana, que espera ver o ginásio lotado, com o ‘sexto jogador’ apoiando a equipe da casa do começou ao fim.

Os resultados dos dois primeiros jogos da série, quando o mando de quadra prevaleceu, foram estes: 81 a 74, em favor do Maranhão Basquete, e 80 a 70, em favor do Corinthians/Americana.

O vencedor desta disputa vai encarar o ganhador da outra série semifinal, que envolve Uninassau/América-PE e o Sampaio Corrêa-MA.

Karla Costa vê jogo inicial como importante para desenrolar favorável da série semifinal da LBF

O Corinthians/Americana abre a sua participação na série melhor-de-três do playoff – semifinal da Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016, enfrentando o Maranhão Basquete, na sexta-feira (08 de abril), às 19h30 (de Brasília), atuando no ginásio Castelinho, em São Luís (MA). O duelo terá transmissão ao vivo pelos canais SporTV.

Para a experiente Karla Costa, iniciar bem será fundamental para a sequência da série. “O primeiro jogo da série, que será realizado em São Luís (MA), é o mais importante, por isso, sabemos que vai ser muito difícil, tendo em vista que o Maranhão Basquete evoluiu muito durante o campeonato. Mas, estamos focadas a buscar a primeira vitória fora de casa”, comenta a ala/armadora do representante paulista, que vem buscando o seu melhor estágio físico.

“Correndo atrás do prejuízo, mas pronta a ajudar em tudo que for preciso para chegarmos ao resultado positivo neste primeiro confronto desta série”, complementa Karla.

Os outros dois confrontos da série melhor-de-três do playoff – semifinal estão marcados para estas datas: 12 de abril (terça-feira), ás 19h00 (de Brasília), no ginásio Municipal Centro Cívico, na cidade de Americana (SP); e, se necessário, 14 de abril (quinta-feira), também às 19h00 (de Brasília), no mesmo local.

O Corinthians/Americana concluiu a primeira fase da Liga de Basquete Feminino (LBF) – 2015/2016 com a primeira colocação na classificação geral, com 85.0% de aproveitamento – 17 vitórias e 03 derrotas. Já o Maranhão Basquete findou a etapa inicial no quarto lugar, com 40.0% de aproveitamento – 08 vitórias e 12 derrotas.

Nos quatro confrontos entre os dois times, em jogos válidos pela primeira fase, foram quatro vitórias do representante paulista: 84 a 78 e 71 a 68, ambos em São Luís (MA); 85 a 67 e 66 a 62, os dois em Americana (SP).

Visit fbetting.co.uk Betfair Review