Santo André obtém vitórias importantes no Sub-14 e Sub-15

O Basketball Santo André/APABA derrotou o São José Desportivo/Atleta Cidadão, neste domingo (15 de setembro), por 62 a 43, mesmo atuando no ginásio Municipal Cidade Jardim, em São José dos Campos (SP), no prosseguimento do returno da fase inicial do Campeonato Estadual Sub-14 Feminino – 2019. A principal pontuadora foi Marcella Prande, da equipe andreense, com 25 pontos anotados.

A técnica Arilza Coraça enalteceu o espírito de luta da equipe andreense. “Vencemos porque todas as nossas jogadoras se entregaram defensivamente em prol da equipe e atuaram de forma coletiva. A Marcella não estava bem e ficou boa parte do jogo no banco; depois, um pouco melhor, ajudou a equipe com ótima pontuação e vencemos a partida”, analisou.

O próximo compromisso do Basketball Santo André/APABA, que cresceu na classificação geral, será contra o Casa do Garoto/F. Comerciários/VSCard/Unimed/Tupã Basquete, no dia 28 de setembro (sábado), às 13h (de Brasília), no ginásio Municipal Laís Elena, em Santo André (SP).

Já a equipe sub-15 do Basketball Santo André/APABA passou pela APAB/Barretos, na sexta-feira (13 de setembro), também atuando no ginásio Municipal Laís Elena, a cidade de Santo André (SP), por 82 a 25, em partida válida pelo returno da fase inicial do Campeonato Estadual da categoria. A jogadora mais efetiva foi Letícia Brandão, do Santo André, com 24 pontos marcados.

“Contamos com um grupo muito forte de jogadoras no sub-15, que são comprometidas e atuam coletivamente, além de aplicar uma defesa muito forte. Apesar de ser uma categoria que não precisa modificar as atletas nos quartos, tenho usado todas as meninas, dividindo, mais ou menos, o mesmo tempo delas de quadra, como reconhecimento dessa dedicação e elas estão correspondendo”, comentou Arilza.

“Desta forma, a nossa defesa acaba sendo muito forte, apresentando também um bom potencial de ataque, prova disso foi a pontuação alta da equipe, mas com os pontos bem divididos entre as nossas jogadoras. Saímos de quadra felizes com essa boa atuação”, completou a técnica da equipe de Santo André.

O Basketball Santo André/APABA, que aparece na segunda colocação na classificação geral (05 vitórias e 01 derrota), volta à quadra no dia 25 de setembro (quarta-feira), às 17h30 (de Brasília), para enfrentar a ADC Bradesco, no ginásio Municipal Laís Elena, em Santo André (SP).

Reconhecido pela FIBA, São Paulo DC disputa o forte World Tour Los Angeles 3x3

Para quem trabalha com amor, afinco, dedicação, competência e seriedade, impreterivelmente, as coisas caminham de forma favorável. Esse é o caso do São Paulo DC, um dos principais nomes do Basquete 3x3 brasileiro e sul-americano, que foi surpreendido positivamente com uma vaga no FIBA World Tour Los Angeles, que será jogado nos dias 20 e 21 de setembro (sexta-feira e sábado), em Los Angeles, Estados Unidos.

Para o manager Gustavo Bracco, essa vaga se deu pelo momento favorável que o São Paulo DC vem atravessando, dentro e fora de quadra. “Foi uma grata surpresa, pois todo esforço do ano valeu a pena e foi reconhecido. Fomos convidados pela FIBA a participar de mais uma etapa do World Tour, dessa vez em Los Angeles. Conseguiremos repetir a equipe que apresentou um grande desempenho em Montreal – Soriani, Socas, Branquinho e Ferros – e vamos atrás de mais um grande objetivo. Os atletas estão eufóricos e motivados para trazer para o Brasil um grande resultado”, comentou.

“Viajaremos nesta terça-feira (17 de setembro), em companhia da equipe Rio Norte Lendas, do Rio de Janeiro, e seremos os únicos representantes da América do Sul nessa difícil competição. A nossa comissão técnica reforçou o planejamento e passou os novos objetivos para a equipe”, complementou Bracco.

Na visão do treinador José Roberto Rodrigues Junior, o Juninho, o São Paulo DC pode chegar longe nesta disputa. “Estou animadíssimo com essa oportunidade que nos foi dada pela Federação Internacional, primeiro, muito feliz pelo reconhecimento do ano, daquilo que a nossa equipe fez, por mais que eu tenha certeza que em alguns campeonatos, especialmente nos World Tours, poderíamos ter alcançado resultados melhores, acredito que a entidade está nos reconhecendo como uma das equipes de alto nível no cenário mundial do Basquete 3x3. E esse era um dos nossos objetivos para este ano; poder disputar esta etapa em Los Angeles será sensacional, pois as melhores equipes do mundo já estão classificadas”, relatou.

“A expectativa é bem alta, já que chegaremos para esta disputa com a equipe jogando o seu melhor basquete, no auge físico também, então, estou bastante ansioso e esperançoso que iremos conseguir fazer uma apresentação muito boa em Los Angeles”, completou Juninho.

O São Paulo DC terá estes jogadores em ação no FIBA World Tour Los Angeles: Luiz Felipe Soriani, Jefferson Socas, Leonardo Branquinho e André Ferros.

Na primeira fase desta competição, a equipe paulista aparece no Grupo C, ao lado do Piran (Eslovênia) e do Zemun (Sérvia). Os jogos da primeira fase acontecem no sábado (20 de setembro): São Paulo DC x Piran (21h) e São Paulo DC x Zemun (23h30). De acordo com o regulamento, os dois melhores times do grupo avançam as quartas-de-final.

O São Paulo DC3x3, equipe filiada à Federação Paulista de Basketball (FPB), é apoiado pelo projeto Drible Certo no Mundo, aprovado junto a Lei de Incentivo ao Esporte da Secretaria de Esportes do Governo do Estado de São Paulo. Projeto patrocinado pela Havan e Decathlon Brasil. Apoios: Naturiza, NAR – Núcleo de Alto Rendimento, Uniformes Overtime, Meias Elite e Associação de Pessoal da Caixa Econômica Federal – APCEF. Realização: B16 Incentivo e Instituto Futuros Craques.

Seleção Brasileira Feminina encerra a etapa de preparação no Rio de Janeiro

A Seleção Brasileira Adulta Feminina concluiu, neste sábado (14 de setembro), a etapa de treinamentos preparatórios no Rio de Janeiro (RJ), visando à disputa da FIBA Women's AmeriCup 2019 (Copa América). No domingo (15 de setembro), a delegação nacional segue viagem para San Juan, capital de Porto Rico, local da competição.

“Fizemos uma excelente etapa de treinamento, que contribuiu muito para este processo de evolução da Seleção Brasileira Feminina. Pudemos ver algumas jogadoras diferentes da etapa anterior e, assim, irmos agregando novas atletas neste processo. Além de aprimorarmos os conceitos (físico, técnico-tático) já trabalhados para os Jogos Pan-americanos”, relatou o técnico José Neto da Seleção Brasileira.

Em San Juan, o selecionado nacional encerra a preparação, com treinamentos e jogos-treino.

A estreia brasileira na FIBA Women's AmeriCup 2019 acontece no dia 22 de setembro (domingo), contra a Colômbia, às 18h30 (de Brasília), no Coliseu Roberto Clemente. Na sequência, o Brasil tem esses compromissos: Brasil x Argentina (23 de setembro – segunda-feira), Brasil x Paraguai (25 de setembro – quarta-feira) e Brasil x Estados Unidos (26 de setembro – quinta-feira).

A Seleção Brasileira, na primeira fase, aparece no Grupo B, ao lado da Argentina, Paraguai, Colômbia e dos Estados Unidos. Já o Grupo A conta com República Dominicana, Cuba, Canadá, México e Porto Rico.

Pelo regulamento, na fase inicial as equipes jogam entre si, dentro de suas respectivas chaves, em turno único, e as duas melhores nações de cada uma delas avançam à semifinal, que terá estes confrontos: 1º colocado do Grupo A x 2º colocado do Grupo B e 1º colocado do Grupo B x 2º colocado do Grupo A. Os vencedores das semifinais disputam o título.

Os oito primeiros colocados da FIBA Women's AmeriCup 2019 garantem vaga no Torneio Pré-olímpico das Américas, que ocorrerá em novembro.

Seleção Brasileira: Alana Gonçalo da Silva (armadora), Clarissa Cristina dos Santos (ala/pivô), Damiris Dantas do Amaral, Débora Fernandes da Costa (armadora), Erika Cristina de Souza (pivô), Isabela Ramona Lyra Macedo (escolta), Mariana Moura Queiroz Dias, Nádia Gomes Colhado (pivô), Patrícia Teixeira Ribeiro (escolta), Raphaella Monteiro da Silva (lateral), Tainá Mayara da Paixão (escolta) e Tatiane Pacheco Nascimento (lateral).

Comissão Técnica: Adriana Aparecida dos Santos Lopez (gerente técnica), Ricardo Brito de Carvalho (administrador), José Alves dos Santos Neto (técnico), Virgil Marc Michel Lopez e João Almeida Camargo Neto (assistentes técnicos), Diego Maroja Falcão (preparador físico), Paulo Roberto de Queiroz Szeles (médico) e Isabel Cristina Castro Rosa e Jordana Reis da Silva (fisioterapeutas).

Inédito Brasileiro Interclubes Sub-21 Feminino será disputado em Recife

O Brasileiro Interclubes de Base (BIB) Sub-21 Feminino – 2019 será realizado de 15 a 21 de setembro, no CT RD Sports, em Recife (PE), contando com a participação de cinco equipes: Instituto Vitaliza/Nosso Clube (PE), Clube Náutico Capibaribe (PE), RD Sports (PE), Associação Sorriso Basquetebol (MT) e ADC Bradesco (SP).

“Essa é a primeira vez que irá acontecer a competição sub-21 feminina, por isso, gostaríamos de agradecer ao Comitê Brasileiro de Clubes (CBC), que acreditou nesse projeto, e ao Instituto Vitaliza, que aceitou ser o anfitrião da competição. Essa categoria é de suma importância, pois é muito próxima do adulto, prova disso, é que algumas atletas, inclusive, já compõe as equipes que disputam a Liga de Basquete Feminino (LBF)”, comentou Alex Oliveira, coordenador técnico da competição.

“Um fator importante, é que a Confederação Brasileira de Basketball (CBB), em 2019, realizou campeonatos no sub-14, sub-16 e sub-18 no naipe feminino, além desse sub-21 e do sub-12, que acontecerá em dezembro. Cumprindo assim, o compromisso firmado pelo presidente Guy Peixoto Jr em realizar as competições de base”, complementou Oliveira.

Na visão do técnico Antonio Carlos Affini Jr, do anfitrião Instituto Vitaliza/Nosso Clube, as expectativas são as melhores possíveis. “O Brasileiro Interclubes representa um marco na história do basquetebol pernambucano e nordestino; nosso desejo é que essa competição desperte em outros clubes do Nordeste o interesse de se filiar ao Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) para participar das competições que a Confederação Brasileira de Basketball (CBB) realiza com excelência nas categorias de base durante todo o ano. Só assim conseguiremos elevar o nível de competitividade dos atletas”, relatou.

“Estamos honrados em sediar essa competição e acreditamos que podemos contribuir para descoberta de novos talentos para o basquetebol brasileiro”, completou Affini Jr.

De acordo com o regulamento, na fase de classificação, as equipes jogam entre si, em turno único, e os dois primeiros colocados disputam o título. Já as equipes que findaram a etapa inicial no terceiro e quarto luares, jogam para definir o ganhador da medalha de bronze.

Tabela

1ª rodada: 16 de setembro (segunda-feira)
17h: ADC Bradesco (SP) x Instituto Vitaliza/Nosso Clube (PE)
19h: RD Sports (PE) x Clube Náutico Capibaribe (PE)

2ª rodada: 17 de setembro (terça-feira)
17h: Clube Náutico Capibaribe (PE) x ADC Bradesco (SP)
19h: Instituto Vitaliza/Nosso Clube (PE) x Sorriso Basquete (MT)

3ª rodada: 18 de setembro (quarta-feira)
17h: Instituto Vitaliza/Nosso Clube (PE) x Clube Náutico Capibaribe (PE)
19h: Sorriso Basquete (MT) x RD Sports (PE)

4ª rodada: 19 de setembro (quinta-feira)
17h: Sorriso Basquete (MT) x ADC Bradesco (SP)
19h: Instituto Vitaliza/Nosso Clube (PE) x RD Sports (PE)

5ª rodada: 20 de setembro (sexta-feira)
17h: Clube Náutico Capibaribe (PE) x Sorriso Basquete (MT)
19h: RD Sports (PE) x ADC Bradesco (SP)

Final: 21 de setembro (sábado)
14h: 3º colocado x 4º colocado
16h: 1º colocado x 2º colocado

Arilza Coraça comemora o prêmio da ‘LBF Nas Escolas 2019’

Quando o Santo André/Apaba/Caoa Chery foi confirmado como o ganhador do prêmio referente a ‘LBF Nas Escolas 2019’, da Liga de Basquete Feminino (LBF CAIXA), a técnica Arilza Coraça ficou extremamente satisfeita, não deixou de recordar e de agradecer todas as pessoas que contribuíram para o sucesso desta ação, que vai muito além do que se imagina.

De acordo com a treinadora, é importante preparar a ‘geração do amanhã’. “O ‘LBF Nas Escolas 2019’ passa uma mensagem altamente positiva através do esporte, pode trazer novos adeptos para o basquete, plantando a sementinha no coração de cada criança ou jovem, que pode se tornar jogador ou mesmo um amante do basquete. Por isso, nos orgulhamos de receber este prêmio da LBF, que divido com todos que estiveram ao nosso lado para que tudo funcionasse muito bem”, comentou Arilza.

“As visitas que fizemos as instituições de ensino foram sensacionais, visto que as nossas atletas se mostraram sempre engajadas com a causa, interagindo bastante com a garotada; além disso, agradeço aos professores das Escolas Municipais. É uma premiação extra quadra, lançada recentemente pela atual diretoria da Liga de Basquete Feminino (LBF), que nos orgulha bastante”, acrescentou Coraça.

Outro fato importante, que resultou nesta premiação, segundo Arilza, foi a parceria entre a Secretaria de Esportes e Pratica Esportiva de Santo André, com apoio, secretário Marcelo Chehade, com a Secretaria da Educação, na pessoa da secretária Dinah Zekcer.

Idealizado em 2018, o ‘LBF nas Escolas’ consiste em aproximar a modalidade e as jogadoras das crianças e adolescentes dos municípios nos quais a LBF está inserida. Para disputar a LBF CAIXA, as equipes devem realizar visitas nas escolas e ações de integração com o público infanto-juvenil, trazendo novos torcedores e potenciais atletas para a modalidade.

 

São Paulo DC derrota o melhor time da temporada no ‘3x3 World Tour Montreal Master’

As experiências internacionais vivenciadas pelo São Paulo DC, um dos principais nomes do basquete 3x3 nacional e sul-americano, estão sendo cada vez mais ricas. No final de semana passado (07 e 08 de setembro), a equipe da capital paulista representou no ‘3x3 World Tour Montreal Master’, disputado no Canadá, graças ao título do Campeonato Brasileiro de Basquete 3x3 – 2019.

Na fase inicial, o São Paulo DC conseguiu uma extraordinária e inédita vitória diante do Liman, da Sérvia, que é o segundo colocado no ranking da Federação Internacional de Basketball (FIBA), por 18 a 15. “O retrospecto foi bem positivo, conseguimos uma vitória expressiva contra a melhor equipe da Liga Mundial FIBA, que é também o segundo melhor time ranqueado e que conseguiu os melhores resultados nesta temporada. Ganhamos deste adversário e acabamos perdendo para o Šakiai, no tempo extra e na última bola, que o atleta da Lituânia converteu com muita categoria; essa bola final poderia ter sido nossa, mas falhamos na execução e eles não”, comentou Gustavo Bracco, manager da equipe.

“O nível da equipe subiu demais e saímos muito contentes de Montreal, pois estamos em constante evolução; de duas derrotas no último Mundial, agora obtivemos uma vitória, bastante expressiva, e sofremos uma derrota em duelo extremamente parelho. Isso nos dá a certeza que a coisa está andando; vamos fazer os ajustes necessários para seguir crescendo em 2020, visto que esta temporada internacional (FIBA) acabou, resta apenas a final do Mundial Universitário, que ocorre no final de outubro”, complementou Bracco.

Na segunda rodada da primeira fase do ‘3x3 World Tour Montreal Master’, o São Paulo DC foi superado pelo lituano Šakiai (13 a 11), na prorrogação. Com isso, a equipe brasileira não conseguiu avançar a etapa seguinte, devido aos critérios de desempate, e o representante lituano acabou se sagrando o campeão.

O São Paulo DC contou com estes jogadores: Leonardo Branquinho, André Ferros, Jefferson Socas e Luiz Felipe Soriani.

O São Paulo DC3x3, equipe filiada à Federação Paulista de Basketball (FPB), é apoiado pelo projeto Drible Certo no Mundo, aprovado junto a Lei de Incentivo ao Esporte da Secretaria de Esportes do Governo do Estado de São Paulo. Projeto patrocinado pela Havan e Decathlon Brasil. Apoios: Naturiza, NAR – Núcleo de Alto Rendimento, Uniformes Overtime, Meias Elite e Associação de Pessoal da Caixa Econômica Federal – APCEF. Realização: B16 Incentivo e Instituto Futuros Craques.

XI de Agosto/AABT/Tatuí apresenta equipe adulta masculina nesta sexta-feira

O XI de Agosto/AABT/Tatuí apresentará oficialmente a sua equipe adulta masculina, nesta sexta-feira (13 de setembro), às 19h (de Brasília), no ginásio da Associação Atlética XI de Agosto, na cidade de Tatuí (SP), enfrentado amistosamente o SC Corinthians Paulista (sub-19). A entrada é franqueada ao público.

“Estou muito satisfeito pela oportunidade de desenvolver, mais uma vez, um trabalho com basquetebol, agora em Tatuí, uma cidade que terá esta equipe adulta como um espelho para um grande projeto, em que mais de 100 crianças poderão conviver com a comissão técnica de uma equipe adulta. O trabalho começa já pensando no futuro, pois o basquete será uma ferramenta de desenvolvimento para estas crianças, visto que o município ama a modalidade; estou muito orgulhoso por ter sido lembrado para participar deste momento importante do esporte de Tatuí”, explicou o técnico Júlio Malfi.

“A formação desta equipe adulta é resultado de uma entrega e luta de 11 anos com o basquete agindo como ferramenta social em nossa cidade e região. Temos a expectativa de criar esse polo para dar ainda mais oportunidades aos jovens da nossa região de buscarem o sonho do basquete profissional. Mais um polo e mais um espelho para o basquete paulista”, complementou Filipe Ariel, assistente-técnico do adulto e técnico da base.

E a equipe já nasce forte, uma vez que conta com apoios importantes: Maria José Gonzaga (prefeita) e Luiz Paulo (vice-prefeito); Evandro Mantegazze e Vagner Ricci, presidente e vice-presidente, respectivamente, da Associação Atlética Onze de Agosto; professor Miguel Lopes e Hamilton Silva, presidente e vice-presidente, respectivamente, da Associação de Amigos do Basquete de Tatuí.

“O objetivo do XI de Agosto/AABT/Tatuí é chegar, inicialmente, a elite do basquete paulista e vamos lutar muito para isso. Depois, a meta é alçar voos ainda maiores, puxando a garotada da base, por isso, os nossos parceiros e apoiadores são importantíssimos, já que eles nos darão a chance de viabilizar tudo o que almejamos”, completou Malfi.

Os parceiros do XI de Agosto/AABT/Tatuí são estes: Prefeitura Municipal de Tatuí, Associação Atlética XI de Agosto, Associação de Amigos do Basquete de Tatuí (AABT), Sport Zone, Concreto e Metálico, Lucemi, Pleno – Grupo Moreno, Vioto e EcoLife.

 

Seleção Feminina finaliza etapa de testes e inicia os treinamentos técnicos e táticos

A Seleção Brasileira Feminina deu início a preparação para disputar a FIBA Women's AmeriCup 2019 (Copa América), na quarta-feira (28 de agosto) e já realizou as importantes avaliações, nas dependências do Comitê Olímpico do Brasil (COB), no Rio de Janeiro (RJ). As 18 atletas convocadas foram avaliadas pela equipe multidisciplinar do selecionado nacional na quinta-feira e sexta-feira (29 e 30 de agosto).

“Os exames médicos foram fundamentais para mostrar o estado atual da nossa equipe e planejar estratégias para as próximas competições. Muitas atletas do grupo, além dos Jogos Pan-americano, participaram da fase final do torneio nacional, sendo fundamental, portanto, individualizar as cargas de treino e medidas para prevenção de lesão”, comentou o médico Paulo Roberto Szeles.

A análise dos resultados foi realizada pela equipe multidisciplinar da Seleção Brasileira Feminina, que conta com estes profissionais: Paulo Roberto Szeles (médico), Diego Falcão (preparador físico), Isabel Castro Rosa e Jordana Reis (fisioterapeutas). “Isso permite a individualização na abordagem para melhora do desempenho”, relatou Falcão.

Encerrado o período de testes, a equipe nacional, a partir da manhã deste sábado (31 de agosto), passa a focar também os aspectos técnico e táticos, iniciando os trabalhos de quadra, no ginásio Desportivo e Cultural Jamelão (Vila Olímpica da Mangueira), no Rio de Janeiro (RJ), comandado pelo técnico José Neto.

Convocadas: Alana Gonçalo da Silva (armadora), Clarissa Cristina dos Santos (ala/pivô), Damiris Dantas do Amaral, Débora Fernandes da Costa (armadora), Erika Cristina de Souza (pivô), Erika Regina Leite (lateral), Gabriela Guimarães de Paula (ala/pivô), Isabela Ramona Lyra Macedo (escolta), Izabella Frederico Sangalli (lateral), Juliana Souza Maria (pivô), Lays da Silva (armadora), Maria Carolina Ferreira de Oliveira (pivô), Mariana Moura Queiroz Dias, Nádia Gomes Colhado (pivô), Patrícia Teixeira Ribeiro (escolta), Raphaella Monteiro da Silva (lateral), Tainá Mayara da Paixão (escolta) e Tatiane Pacheco Nascimento (lateral).

Comissão Técnica: Adriana Aparecida dos Santos Lopez (gerente técnica), Bruno Gomes de Valentin (coordenador), Ricardo Brito de Carvalho (administrador), José Alves dos Santos Neto (técnico), Virgil Marc Michel Lopez e João Almeida Camargo Neto (assistentes técnicos), Diego Maroja Falcão (preparador físico), Paulo Roberto de Queiroz Szeles (médico), Isabel Cristina Castro Rosa e Jordana Reis da Silva (fisioterapeutas) e Juliana Angélica Bouvie (massoterapeuta).

A FIBA Women's AmeriCup 2019 (Copa América Feminina) será realizada de 22 a 29 de setembro, em San Juan, Porto Rico.

Imprensa
Os veículos de comunicação interessados em cobrir os treinamentos da Seleção Brasileira Adulta Feminina, bem como convidar as atletas e os integrantes da comissão técnica para entrevistas exclusivas ou para participar de programas jornalísticos/esportivos, deverão entrar e contato com o assessor de imprensa da Confederação Brasileira de Basketball (CBB), Frederico Batalha, através do WhatsApp (11) 99724-8116.

Arilza Coraça se emociona com homenagem prestada a Lais Elena

A técnica do Santo André/APABA/Caoa Chery, Arilza Coraça, ficou extremamente emocionada com a homenagem prestada a Lais Elena Aranha da Silva, principal nome do basquete feminino andreense, que teve seu trabalho como atleta, técnica e dirigente reconhecido pelo poder público. Na tarde de segunda-feira (26 de agosto), concomitantemente a abertura da 50ª edição dos Jogos Escolares de Santo André, foi descerrada a placa no ginásio principal do Complexo Esportivo Pedro Dell’Antonnia, oficializando o batismo desta praça esportiva com o nome da ex-jogadora, que também brilhou com a camisa da Seleção Brasileira.

“Fiquei muito emocionada e feliz com a homenagem, foi até difícil proferir algumas palavras, mas havia me preparado e consegui, por isso, só tenho que agradecer a todos que compareceram. A Lais Elena e eu sempre o seu lado, realmente, estivemos sempre na luta pelo basquete feminino de Santo André, que trouxe muitas alegrias a cidade, por isso, ter o nome dela eternizado na quadra principal do Complexo Esportivo Pedro Dell’Antonnia foi uma escolha acertada e agradeço ao prefeito de Santo André, Paulo Serra, ao secretário Municipal de Esportes, Marcelo Chehade, ao secretário adjunto, Fellipe Melito, e o diretor de Esportes, Marcos Filho, além dos demais integrantes da citada secretaria e dos funcionários do Complexo Esportivo Pedro Dell’Antonnia, que estão ao nosso lado diariamente”, relatou Arilza.

“Outra coisa que me marcou foi a presença de muitas jogadoras, ex-jogadoras e a coletividade do basquete feminino de uma forma geral; sentir que essas pessoas também estavam embargadas e emocionadas demostrou o quanto a Lais Elena era querida por todos”, acrescentou Coraça.

Além do momento de muita emoção, um jogo de Basquete 3x3 animou os presentes. Em quadra, ídolos do basquete andreense a nacional, como a Janeth Arcain, Leila Sobral, a cubana Ariadna Felipe, a norte-americana Susan Anderson Soares, Simone Pontello, Patrícia Silva, Patrícia Ferreira (Chuca), Micaella Jacintho, Vivian Lopes, Simone Lima e Luana de Souza. Outros nomes importantes também compareceram: Odila Fernandes (bicampeã Pan-americana e bronze no Mundial de 1971), Stephany Soares (campeã Pan-americana em Lima), Sérgio Macário (presidente da APABA), Markão (fisioterapeuta) e Andreia Magini, entre outros.

“A palavra que tenho para este momento é gratidão. Ela sempre deixou o exemplo de luta, de ensinamentos e agora o nome dela está eternizado. Obrigado Lais Elena”, comentou Arilza Coraça.

A 50ª edição dos Jogos Escolares de Santo André movimentará aproximadamente 7.500 alunos, de 08 a 17 anos, que competirão em 11 diferentes modalidades, além do basquete: atletismo, futsal, ginástica artística, handebol, judô, karatê, natação, queimada, tênis de mesa, vôlei e xadrez. A pira olímpica foi acesa pelo ginasta, campeão olímpico e mundial, Arthur Zanetti, que trouxe diversas medalhas ao longo da carreira para a região do ABC.

Com Bruno Covas e Carlos Bezerra Jr presentes, Joerg Bruder e NAR homenageiam atletas Pan-americanos

O Clube Municipal Joerg Bruder e o Núcleo de Alto Rendimento (NAR) prestaram, na manhã de terça-feira (27 de agosto), na zona sul da cidade de São Paulo (SP), uma justa homenagem aos atletas que utilizam a excelente estrutura do local para os treinamentos diários e estiveram disputando os Jogos Pan-americanos de Lima, no Peru. Para abrilhantar ainda mais o evento, o prefeito da cidade de São Paulo, Bruno Covas, e o Secretário Municipal de Esportes e Lazer, Carlos Bezerra Jr, estiveram presentes.

“Foi um grande dia para o Centro Esportivo Santo Amaro, que em parceria com o Núcleo de Alto Rendimento, homenageou os atletas que treinam no local e disputaram com êxito os Jogos Pan-americanos de Lima, trazendo alegria ao povo brasileiro e horando a cidade de São Paulo, conquistando inúmeras medalhas. O evento contou com as ilustres presenças do prefeito municipal, Bruno Covas, e do secretário municipal de esportes, Carlos Bezerra Jr, entre outras autoridades, ”, comentou Marcos Antonio Mattos Ferreira, coordenador de equipamentos do Clube Municipal Joerg Bruder.

“Esses atletas de alto rendimento sevem como espelho e exemplo aos jovens da região de Santo Amaro, que estão iniciando no esporte. Além disso, o contato com atletas vencedores é muito importante para o futuro destes garotos, pois eles percebem que é possível disputar um Pan-americano e chegar ao pódio e depois lutar por coisas maiores, como, por exemplo, disputar uma Olimpíada e também brigar por medalha com atletas renomados de todo o mundo”, acrescentou Ferreira.

Para Bruno Covas, o esporte é uma ferramenta importante, que traz inúmeros benefícios. “Os resultados que vocês obtiveram ajuda a construir algo necessário hoje no país: unificá-lo. Hoje, a gente vê uma sociedade dividida do ponto de vista ideológica e crenças. Vocês estão construindo o que a classe política deveria estar fazendo”, discorreu o prefeito.

“Em dias de tanta intolerância, de tanto ódio, de tanta divisão, o esporte une povos, dá oportunidades; faz com que gente possa reescrever sua história”, complementou o secretário Carlos Bezerra Jr.

Durante a solenidade, sete atletas receberam, como reconhecimento pelos resultados obtidos nos Jogos Pan-americanos de Lima, um certificado das mãos do prefeito Bruno Covas. São eles: André Arruda e Bianca Silva (Rúgbi); Beatriz Ferreira e Keno Machado (Boxe); Vitória Rosa e Rodrigo Nascimento (Atletismo) e Jefferson Socas (Basquete 3x3).

“Estou lisonjeado e feliz por receber esta homenagem do prefeito Bruno Covas, que é muito importante para o nosso esporte, não só para os jogadores de alto rendimento, mas pata todos que praticam o Basquete 3x3”, comentou Jefferson Socas, atleta da Seleção Brasileira de Basquete 3x3 e do São Paulo DC.

Para Irineu Loturco, diretor-executivo do NAR, os resultados positivos estão acontecendo graças à parceria de sucesso entre a Prefeitura Municipal de São Paulo e a iniciativa privada. “O NAR é uma iniciativa em conjunto da Prefeitura de São Paulo e do Instituto Península. Por isso, tenho certeza que grande parte dessas medalhas conquistadas tem a ver com a história que o NAR e a Prefeitura de São Paulo construíram juntos”, relatou.

“Essa parceria vem de gestões anteriores, mas questões políticas não podem interromper programas de sucesso. A continuidade está garantida independente de quem esteja à frente da Prefeitura de São Paulo para que o esporte de alto rendimento possa ser fomentado cada vez mais”, concluiu Bruno Covas,

 

São Paulo DC faz bonito no ‘Rimini Challenger 3x3’ e confirma evolução

O São Paulo DC viveu mais uma importante experiência internacional, disputando o FIBA Rimini Challenger 3x3, realizado nos dias 19 e 20 de agosto (segunda-feira e terça-feira), na cidade italiana de Rimini. Esta competição reuniu nomes importantes do Basquete 3x3 no cenário internacional.

Na visão do manager Gustavo Bracco, a equipe brasileira fez um bom papel. “Fizemos três bons jogos contra times que vem jogando em alto nível e hoje são referências no 3x3mundial. Senti uma grande evolução na equipe, com mais essa excelente experiência que nos trará grandes retornos a curto prazo”, comentou.

“Quero destacar a participação do André Ferros que, apesar da pouca idade e de já ser uma referência no país, mostrou maturidade e comandou nossa equipe com uma defesa muito agressiva e consistente, além de poderia de ataque equiparado aos maiores jogadores do mundo. Levamos também dois jogadores que ainda são Sub23, Branquinho e William, ambos convocados para a seleção de sua idade, reforçando nossa preocupação na renovação do elenco e lançamento de novos jogadores”, opinou Gustavo.

“Por último, o Jeff Socas que mostrou ser sem sombra de dúvidas o melhor jogador de 3x3 do país atualmente, com serenidade comandou a equipe e foi fundamental para o bom resultado que tivemos. Mais do que vitórias e derrotas, buscávamos bons jogos. E essa meta foi atingida com folga”, complementou Bracco.

Os resultados obtidos pelo representante brasileiro em Rimini (ITA) foram estes: São Paulo DC 15 x 21 NY Harlem (Estados Unidos), São Paulo DC 15 x 09 Lausanne (Suíça) e São Paulo DC 14 x 16 Zemun (Sérvia). Desta forma, a equipe paulista concluiu participação nesta competição que reuniu 16 equipes, na sétima colocação.

Os números do São Paulo DC também foram bons: 44 pontos, com média de 14.7 por jogo, e 43 rebotes, com média de 14.3. “Vencemos a equipe suíça, que é Top12 do mundo e fizemos um jogo duríssimo contra o campeão do World Tour 2017, perdendo por apenas dois pontos”, relatou Bracco.

O próximo compromisso do São Paulo DC será a Etapa Final do 5º Circuito Paulista de Basquete 3x3 agendada para 31 de agosto e 1º de setembro (sábado e domingo), na Arena Taboão da Serra, na Grande São Paulo.

O São Paulo DC3x3, equipe filiada à Federação Paulista de Basketball (FPB), é apoiado pelo projeto Drible Certo no Mundo, aprovado junto a Lei de Incentivo ao Esporte da Secretaria de Esportes do Governo do Estado de São Paulo. Projeto patrocinado pela Havan e Decathlon Brasil. Apoios: Naturiza, NAR – Núcleo de Alto Rendimento, Uniformes Overtime, Meias Elite e Associação de Pessoal da Caixa Econômica Federal – APCEF. Realização: B16 Incentivo e Instituto Futuros Craques.

Atletas Pan-americanos serão homenageados no Clube Municipal Joerg Bruder

O Clube Municipal Joerg Bruder, localizado no bairro de Santo Amaro, prestará homenagem aos atletas que brilharam nos Jogos Pan-americanos de Lima, no dia 27 de agosto (terça-feira), às 10h30 (de Brasília). De acordo com Marcos Antonio Mattos Ferreira, coordenador de equipamentos do Clube Municipal Joerg Bruder, a iniciativa é da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEME), através do secretário, Carlos Bezerra Jr.

“Serão prestadas homenagens aos atletas que utilizam as instalações do Núcleo de Alto Rendimento (NAR), que fica localizado dentro Clube Municipal Joerg Bruder, para treinamento e estiveram disputando os Jogos Pan-americanos de Lima, contando com as presenças ilustres do secretário Municipal de Esportes e Lazer (SEME), Sr. Carlos Bezerra Jr, e do Sr. Bruno Covas, ilustre prefeito de São Paulo. Modalidades como o Boxe, Atletismo e Rúgbi, nos naipes masculino e feminino, além do Basquete 3x3, no masculino”, comentou Ferreira.

“Estes atletas de alto rendimento são exemplos para os mais jovens, que estão iniciando a prática esportiva, mostrando que é possível atingir os sonhos e ter uma mudança positiva de vida”, complementou Marcos Antonio.

O Clube Municipal Joerg Bruder fica avenida Padre José Maria, 555, em Santo Amaro, na capital paulista.

Visit fbetting.co.uk Betfair Review