Rápida adaptação ajuda Alana Gonçalo a render bem na Espanha

A primeira temporada da armadora Alana Gonçalo no basquete espanhol, defendendo o La Salle Melilla, tem sido um grande desafio. E a brasileira não encontrou maiores dificuldades para se adaptar à nova rotina seja dentro ou fora da quadra.

“O meu dia a dia não mudou muito do que era no Brasil, aqui treinamos diariamente e, às vezes, temos um período ou um dia de folga. Me adaptei fácil a comida e não tive problemas com a alimentação, porém demorei muito para me adaptar aos horários dos treinos aqui na Espanha”, relatou.

“No Brasil, normalmente, temos um treino pela manhã e um no período da tarde, mas aqui na Espanha em várias oportunidades o primeiro treino acontece às 13h e o segundo às 20h30; às vezes o treinamento termina às 22h30 ou 23h. Por isso, mudou bastante a minha rotina em relação à alimentação e horários, mas agora já consegui ajustar as coisas”, acrescentou Gonçalo.

Dentro de quadra, Alana notou algumas diferenças importantes nos estilos praticados no Brasil e na Espanha, mas não encontrou maiores dificuldades para se aclimatar no menor tempo possível. “O jogo espanhol é muito mais rápido e intenso, isso é nítido em todas as partidas. Para mim tem sido um grande desafio, pois muitas vezes sou marcada com muita intensidade pelas adversárias e tenho que me esforçar o dobro para fazer coisas simples”, relatou.

Com esse panorama, Alana Gonçalo sabe que essa é uma grande oportunidade de crescer e almejar coisas maiores na sequência de sua carreira. “Acredito que no final das contas isso tudo vai agregar muito ao meu jogo e vai me ajudar a evoluir”, acrescentou a brasileira.

O La Salle Melilla está disputando a Liga Feminina 02 – 2020/2021 espanhola. Depois de um começo de competição irregular e com desfalques, a equipe está se acertando e buscando evoluir a cada rodada.

“O primeiro turno do campeonato já terminou, não somos a equipe com os melhores resultados, mas certamente o time que mais evoluiu durante o campeonato. Não tenho dúvida que no segundo turno iremos surpreender muito”, declarou Alana.

No último jogo de 2020, ocorrido no final de semana, o La Salle Melilla demonstrou o seu crescimento ao derrotar o Sinergia Soluciones Real Canoe, por 78 a 64 (41 a 28 no primeiro tempo), mesmo atuando no Polideportivo Pez Volador, em Madrid (ESP), pela 13ª rodada da fase inicial da Liga Feminina 02 – 2020/2021.

E Alana teve uma atuação bastante sólida, contribuindo bastante para este resultado favorável: 15 pontos, 09 rebotes, 04 assistências e 05 bolas recuperadas, em 38 minutos de presença em quadra, o que resultou em 24 de valoração.

A brasileira fechou o turno com essas médias por jogo: 14.0 pontos, 3.4 rebotes, 3.2 assistências, 2.3 bolas recuperadas e 10.1 de valoração. Já no aproveitamento: 40.4% nos arremessos de dois pontos, 32.1% nos arremessos de três pontos e 75% nos lances livres.

Carreira
Esta não é a primeira experiência internacional na carreira de Alana Gonçalo, que ainda na base jogou nos Estados Unidos, defendendo o New Mexico Junior College (2014/2016 – NJCAA) e a The University of Alabama (2016/2018 – NCAA). Já no cenário nacional, a armadora vestiu as camisas do Ituano Basquete (2020) e do Basketball Santo André/APABA (2018/2019).

Entre as principais conquistas da jogadora do espanhol La Salle Melilla estão: campeã Paulista em 2018 (Basketball Santo André/APABA), medalha de bronze na Liga de Basquete Feminino 2019 (Basketball Santo André/APABA) e medalha de bronze na AmeriCup 2019 (Seleção Brasileira).

Individualmente, a paulistana Alana Gonçalo da Silva, 26 anos (23 de setembro de 1994), recebeu estas premiações: Freshman of The Year na temporada 2014/2015 (New Mexico Junior College), candidata a MVP da Conferência na temporada de 2015/2016 (New Mexico Junior College), Revelação do Campeonato Paulista em 2018 (Basketball Santo André/APABA), Revelação da Liga de Basquete Feminino em 2019 (Basketball Santo André/APABA) e melhor armadora do Campeonato Paulista em 2019 (Basketball Santo André/APABA).


Visit fbetting.co.uk Betfair Review