Seleção Brasileira Sub-16 visita pontos históricos e turísticos da capital paraense

Os jogadores e a comissão técnica da Seleção Brasileira Masculina Sub-16 conheceram, na manhã desta sexta-feira (24 de maio), alguns pontos turísticos e históricos de Belém, a capital paraense, local que sediará pela primeira vez a Copa América da categoria. Completando dez dias de preparação para esta importante competição, a delegação aproveitou o momento de folga, aliado ao convite do Governo do Estado do Pará, através da Secretaria de Estado de Turismo do Pará (SETUR), para ver de perto alguns locais, realmente, especiais.

O roteiro seguido foi este: Complexo Feliz Lusitânia, com entrada no Forte do Presépio, Museu do Encontro, Catedral da Sé e Casa das Onze Janelas; e Mangal das Garças, parque que representa um pedaço de toda a riqueza amazônica em plena cidade.

Para o técnico Felipe Santana, esse tipo de atividade é importante para o desenvolvimento completo dos jovens atletas. “Além da parte esportiva, uma das nossas funções é auxiliar na formação destes jovens jogadores, por isso, conhecer pontos históricos e a beleza natural de Belém, uma cidade que muitos deles estão visitando pela primeira vez, foi extremamente importante, pois adquirir conhecimento, aliado a momentos de descontração, é sempre bom para todo mundo”, comentou.

O ala/armador Felipe Motta enalteceu as belezas naturais de Belém. “Fizemos um passeio muito legal e interessante, pois tivemos a oportunidade de conhecer locais maravilhosos, alguns com a sua grande importância histórica e outros pela questão turística, aliado as belezas naturais, que realmente, nos impressionaram”, explicou o lateral do Stella Azzurra Roma, da Itália.

“Acho muito legal os meus companheiros conhecerem pontos turísticos e históricos aqui de Belém, tenho certeza que todos gostaram do que viram, seja pela beleza natural ou mesmo pela importância histórica”, complementou Matheus Leoni, o ala/armador da SE Palmeiras, que é nascido em Belém e foi revelado na base do Paysandu SC.

Os treinamentos preparatórios do selecionado nacional acontecem até 02 de junho (domingo). Já a estreia brasileira na Copa América Sub-16 Masculina acontece no dia 03 de junho (segunda-feira), às 20h30 (de Brasília), contra Porto Rico, na Arena Guilherme Paraense, em Belém (PA). Os demais confrontos do selecionado nacional na primeira fase são estes:

- 04 de junho (terça-feira), às 20h30 (de Brasília): Brasil x Canadá
- 05 de junho (quarta-feira), às 20h30 (de Brasília): Brasil x Uruguai

Para entrar no ginásio e apoiar a Seleção Brasileira, o torcedor deve levar um quilo de alimento não perecível, que será equivalente ao ingresso em cada um dos jogos.

De acordo com o regulamento, na fase inicial as equipes jogam entre si, dentro de seus respectivos grupos, em turno único, apurando as colocações do primeiro ao quarto lugares. Nas quartas de final, ocorre o cruzamento dos grupos: 1º colocado do Grupo A x 4º colocado do Grupo B, 2º colocado do Grupo A x 3º colocado do Grupo B, 3º colocado do Grupo A x 2º colocado do Grupo B e 4º colocado do Grupo A x 1º colocado do Grupo B. Os vencedores avançam à semifinal. Posteriormente, os ganhadores dos jogos semifinais decidem o título. As quatro melhores seleções garantem vaga na Copa do Mundo Sub-17 Masculina 2020.

Nesta primeira fase, o Grupo A é formado por Estados Unidos, México, Argentina e República Dominicana. Já o Grupo B tem Brasil, Canadá, Uruguai e Porto Rico.


Visit fbetting.co.uk Betfair Review