Gil Justino não vê nada perdido e acredita na recuperação da Uninassau nas quartas da LBF

Na visão da experiente Gil Justino, da Uninassau Basquete, não tem nada perdido; a equipe pernambucana foi superada apenas no duelo inicial da série melhor-de-três do playoff – quartas-de-final da Liga de Basquete feminino (LBF CAIXA) – 2018, atuando fora de casa, diante do Funvic/Ituano. A pivô, no entanto, acredita na recuperação, começando pelo segundo confronto, que ocorre nesta terça-feira (1º de maio), às 16h00 (de Brasília), no ginásio Wilson Campos (SESC Santo Amaro), em Recife (PE), com transmissão ao vivo pelo ‘LBF Live’.

“Em relação a este segundo jogo, não tem nada perdido, mais uma vez pecamos com a nossa irregularidade, pois iniciamos bem, mas relaxamos e elas cresceram impondo uma defesa 3x3 agressiva e não soubemos explorar o melhor do nosso ataque. Para este segundo confronto, precisamos, especialmente, jogar em conjunto e executar os movimentos ofensivos com excelência, variações e explorar quem estiver bem no momento”, comentou Gil.

“Como já citei, nada está perdido e temos mais 80 minutos para buscar o nosso objetivo”, complementou a pivô da Uninassau Basquete.

No primeiro jogo, o time paulista venceu por 69 a 59. A terceira partida da série, se necessária, está agendada para quarta-feira (03 de maio), às 20h00 (de Brasília), novamente na capital pernambucana.


Visit fbetting.co.uk Betfair Review