Vitorino prevê dificuldades maiores para o Brasil nas duas próximas Copas

O técnico Leonardo Vitorino, que está radicado no Qatar há vários anos, esteve recentemente na Rússia realizando um intercâmbio com várias equipes e aproveitou para conhecer o trabalho que vem sendo feito na preparação do país para a Copa do Mundo de 2018. De acordo com o brasileiro, a competição na Rússia deverá ser ainda mais desgastante do que foi no Brasil.

“A Copa do Mundo que será jogada Rússia em 2018, país que tive em maio deste ano, acredito que será muito desgastante, até mais que ocorreu no Brasil, pois teremos jogos em lugares com temperaturas extremamente baixas e também deslocamentos de até cinco horas de avião. Será uma competição que precisaremos ter jogadores de força, se nos classificarmos, pois ainda teremos as Eliminatórias pela frente”, comenta Leonardo.

Com relação à Copa de 2022, Leonardo vê o Qatar se preparando bastante para fazer um evento marcante dentro e fora de campo. “Pelo que tenho visto nas competições de atletas de base e que terão condições de jogar em 2022, teremos uma Copa do Mundo que será, talvez, a mais compacta da história no Qatar. As seleções levarão no máximo 40 minutos para chegar aos locais mais longes”, explica o treinador, que trabalhou em dois grandes times locais, o Al Gharafa e o Al Jaish, ganhando títulos e revelando jogadores.

“Mesmo estando distante, o Qatar começou em 2007 a investir no processo de formação desta seleção. Existem vários projetos espalhados pelo país para detectar novos jogadores e também um projeto na África, com objetivo de escolher atletas jovens para o País”, explica Vitorino.

Brasil
Com relação ao momento de mudança no futebol brasileiro, Vitorino tem um planejamento definido. “Acho que os próximos amistosos deveriam ser disputados com um time olímpico, já preparando para a Copa América de 2015, que por sua vez, deveria ser utilizada como preparativo para as Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro”, comenta o treinador.

Para Leonardo Vitorino, a Copa América não deverá ser o alvo principal neste início de preparação brasileira. “Temos eu utilizar esta competição continental como preparação para os Jogos Olímpicos”, finaliza.


Visit fbetting.co.uk Betfair Review